NAERCIO AQUINO MENEZES FILHO

Projetos de Pesquisa
Unidades Organizacionais
Resumo profissional
Área de pesquisa
Nome para créditos

Resultados de Busca

Agora exibindo 1 - 10 de 162
  • Artigo Científico
    Os determinantes empíricos da felicidade no Brasil
    (2006) Corbi, Raphael Bottura; NAERCIO AQUINO MENEZES FILHO
  • Artigo Científico
    Os efeitos do Programa Bolsa Família sobre a duração do emprego formal dos indivíduos de baixa renda
    (2017) Santos, Danilo Braun; Leichsenring, Alexandre Ribeiro; NAERCIO AQUINO MENEZES FILHO; Mendes-da-Silva, Wesley
    Neste artigo utilizamos microdados do Cadastro Único combinados com dados da Relação Anual de Informações Sociais (Rais) para examinar a duração do emprego entre indivíduos de famílias beneficiárias do Programa Bolsa Família. Para tanto, estimamos modelos de riscos proporcionais de Cox para comparar a duração no emprego entre beneficiários e não beneficiários do programa utilizando uma base de dados com mais de três milhões de indivíduos pertencentes a famílias de baixa renda. Os resultados sugerem que o risco de desligamento do empre go para os beneficiários do Programa Bolsa Família é entre 7% e 10% menor do que para os não beneficiários. Modelos paramétricos também foram ajustados para verificação de robustez, produzindo resultados equivalentes aos do modelo de Cox. Em todos os casos, a participação no programa foi observada por meio de uma covariável variando no tempo, extraída diretamente das folhas de pagamento do programa.
  • Artigo Científico
    Os determinantes dos gastos com educação no Brasil
    (2010) Curi, Andréa Zaitune; NAERCIO AQUINO MENEZES FILHO
    Este artigo examina os determinantes dos gastos com educação no Brasil. Estimamos modelos de escolha binária em que as famílias/indivíduos decidem por estudar ou não em uma escola privada, e modelos censurados para analisar o nível de gastos destas famílias com educação. Para tanto, utilizamos os micro-dados das PNADs de 2001 a 2006 e da POF de 2002/2003. Concluímos que os principais determinantes da decisão familiar de matricular os filhos nas escolas privadas são a educação da mãe, a renda familiar, a oferta de escolas públicas, o custo da educação no estado e a região de moradia. Com relação ao valor gasto com mensalidades, seu maior determinante é a renda familiar per capita, sendo que e a elasticidade-renda é maior no ensino fundamental do que no ensino médio.
  • Artigo Científico
    Os efeitos da pré-escola sobre os salários, a escolaridade e a proficiência escolar
    (2006) Curi, Andréa Zaitune; NAERCIO AQUINO MENEZES FILHO
    Neste artigo analisamos os efeitos da educação pré-escolar sobre os salários, a escolaridade e a proficiência escolar no Brasil, utilizando dados da PPV e do SAEB. Com os dados da PPV examinamos a influência da pré-escola na conclusão dos ciclos escolares e nos salários dos indivíduos. Com os dados do SAEB analisamos o efeito da pré-escola no desempenho escolar medido pelos testes de proficiência. Os resultados mostram que a pré-escola tem impacto positivo e significante na conclusão dos quatro ciclos escolares, com efeito marginal crescente nos três primeiros, e que a creche tem impacto positivo e significante apenas na conclusão do colegial e do ensino universitário. Além disso, a pré-escola tem impacto positivo na renda dos indivíduos, independentemente do seu impacto na educação. Por fim, os resultados indicam que a pré-escola tem um impacto positivo e significante no desempenho escolar dos alunos nos exames de proficiência da 4ª, 8ª e 11ª série.
  • Working Paper
    A Relação entre Gastos Educacionais e Desempenho Escolar
    (2009) NAERCIO AQUINO MENEZES FILHO; Amaral, Luiz Felipe Leite Estanislau do
    O objetivo desse artigo é verificar se os gastos com educação aumentam o aprendizado dos alunos das 4ª e 8ª séries do ensino fundamental. Para medir os gastos com educação nós utilizamos as despesas com educação fundamental dos municípios brasileiros em 2005, ao passo que a proficiência é medida através do resultado médio dos alunos do município nos exames de Matemática e Língua Portuguesa na prova Brasil do mesmo ano. Verificamos que, após controlarmos pela escolaridade média da população do município, número de horas-aula, proporção de docentes com nível superior e pelas dummies de cada UF, que capturam características não observáveis possivelmente correlacionadas com desempenho e gastos, o efeito dos gastos sobre o desempenho é muito pequeno e estatisticamente insignificante na maioria das especificações. Além disso, por meio de regressões quantílicas, constatamos que a significância do efeito dos gastos sobre o desempenho ocorre apenas para os municípios com notas mais altas na quarta série.
  • Livro
    Legado de uma pandemia: 26 vozes conversam sobre os aprendizados para política
    (2021) Musacchio, Aldo; Tavolari, Bianca; CARLOS EDUARDO LINS DA SILVA; CARLOS ALBERTO FURTADO DE MELO; DIEGO WERNECK ARGUELHES; Fonseca, Elize Massard da; Bastos, Francisco Inácio; Lotta, Gabriela; Kalout, Hussein; Gilio, Leandro; LUCAS MARTINS NOVAES; MARCELO MARCHESINI DA COSTA; Lisboa, Marcos de Barros; Mendes, Marcos; MARCOS SAWAYA JANK; França, Michael; Seligman, Milton; NAERCIO AQUINO MENEZES FILHO; NATALIA PIRES DE VASCONCELOS; PAULO FURQUIM DE AZEVEDO; Burgos, Pedro; RICARDO PAES DE BARROS; SANDRO CABRAL; SERGIO PINHEIRO FIRPO; Lazzarini, Sérgio Giovanetti
  • Relatório de pesquisa
    As Cotas nas Universidades Públicas Diminuem a Qualidade dos Alunos Selecionados? Simulações com dados do ENEM
    (2016) Vilela, Lara; Tachibana, Thiago Yudi; NAERCIO AQUINO MENEZES FILHO
    Este artigo utiliza os microdados do Enem e do Censo da Educação Superior para, através de simulações sobre os efeitos das cotas, quantificar e qualificar estimativas do impacto causado pela política sobre a distribuição de notas nas universidades. Os resultados mostram que a maior diversidade nas universidades federais introduzida pelas cotas não acarreta ingresso de alunos com notas significativamente menores quando comparado com o cenário sem cotas. Isso ocorre devido à existência de potenciais cotistas no primeiro decil de notas em número suficiente para preencher as vagas reservadas.
  • Capítulo de Livro
    Educação e desigualdade no Brasil
    (2015) CHARLES KIRSCHBAUM; NAERCIO AQUINO MENEZES FILHO
    Este livro reúne investigações produzidas no Centro de Estudos da Metrópole (CEM) mobilizando redes sociais analiticamente. Como amplamente destacado em anos recentes, as redes sociais compõem o tecido das relações entre indivíduos, grupos e entidades que estruturam os campos onde fenômenos sociais acontecem. Apesar da ampla utilização recente das redes como metáfora de fenômenos sociais, são raros os trabalhos brasileiros que têm se debruçado sobre a investigação empírica das estruturas relacionais e suas consequências utilizando as metodologias desenvolvidas especificamente para análise do fenômeno em nível internacional. O presente livro contribui para o preenchimento de tal lacuna, ao apresentar resultados de um conjunto de investigações sobre redes sociais na reprodução das situações de pobreza, em práticas culturais e associativas, na busca de emprego, e na formulação e implementação de políticas públicas. Em seu conjunto, esses trabalhos contribuem com um importante avanço em nos só conhecimento sobre a importância das estruturas relacionais.
  • Relatório de pesquisa
    Avaliando o Impacto das Políticas de Sobral
    (2018) Rocha, Roberto Hsu; NAERCIO AQUINO MENEZES FILHO; Komatsu, Bruno Kawaoka
    Este artigo tem como objetivo avaliar o impacto de políticas educacionais adotadas no início dos anos 2000 sobre a qualidade do ensino no município de Sobral, no Estado do Ceará. Essas políticas reorganizaram o sistema educacional, sem incorrer em aumento expressivo dos gastos em educação. Utilizamos uma combinação do Propensity Score Matching e do método de Diferenças em Diferenças para estimar o impacto. Os resultados indicam efeitos positivos significativos no curto e no longo prazo para os anos iniciais do Ensino Fundamental. No entanto, os desafios persistem na ampliação desses resultados para os anos finais do mesmo grau de ensino.
  • Relatório de pesquisa
    Developing More Effective Labour Market Policies And Institutions In Emerging Economies: The Brazilian Case
    (2011) NAERCIO AQUINO MENEZES FILHO; Scorzafave, Luiz Guilherme;