Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.insper.edu.br/handle/11224/326
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorMussolini Júnior, Luiz Fernando
dc.contributor.authorFedrizzi, Victor Alessandro Ferreira
dc.coverage.spatialSão Paulopt_BR
dc.date.accessioned2014-10-17T17:16:09Z
dc.date.accessioned2021-09-13T02:18:05Z-
dc.date.available2014-10-17
dc.date.available2014-10-17T17:16:09Z
dc.date.available2021-09-13T02:18:05Z-
dc.date.issued2013
dc.date.submitted2013
dc.identifier.urihttps://www.repositorio.insper.edu.br/handle/11224/326-
dc.description.abstractO presente estudo objetiva a análise da viabilidade de implantação do Imposto sobre Grandes Fortunas no Brasil,em especial quanto às questões jurídicas. Utilizou-se o método dialético, com a metodologia de verificação bibliográfica. Iniciou-se com os conceitos básicos, após, foi feito o estudo comparado com outros países, como a França e a Alemanha, os quais já arrecadaram esse imposto e outros que apenas cogitaram de sua arrecadação. Foi realizada a análise da legislação brasileira, começando pela Constituição Federal, seguindo pela verificação de possíveis elementos no Código Tributário Nacional e incluindo os projetos de lei sobre o assunto. Na sequencia, verificaram-se critérios para a instituição do tributo, os principais questionamentos jurídicos, econômicos e relativos à prática fiscal, além das opiniões tanto favoráveis, quanto desfavoráveis sobre o assunto e as alternativas à implantação do novo imposto. Os resultados demonstraram que o IGF pode ser uma ferramenta válida para maior justiça na arrecadação de tributos no país de forma progressiva, desde que seja bem utilizado, com critérios que busquem o verdadeiro espírito do imposto, que seria cobrar mais daqueles que são muito ricos, atendendo plenamente ao princípio da capacidade contributiva. Como alternativa, sugere-se que o governo busque outras formas para que um resultado semelhante seja atingido.pt_BR
dc.format.extent111 f.pt_BR
dc.language.isoPortuguêspt_BR
dc.rights.uriTodos os documentos dessa coleção podem ser acessados, mantendo-se os direitos dos autores pela citação da origem.pt_BR
dc.subjectDireito tributáriopt_BR
dc.subjectImpostopt_BR
dc.subjectGrandes fortunaspt_BR
dc.titleA legalidade da implementação do imposto sobre grandes fortunas no Brasilpt_BR
dc.typeTrabalho de Conclusão de Cursopt_BR
dc.description.otherThe present study aims to analyze the feasibility of implementing the Wealth Tax in Brazil, especially regarding legal issues. We used the dialectical method with verification methodology literature. It began with the basics, after the study was done compared to other countries, such as France and Germany, which have raised this tax and others who just floated his collection. Analysis was conducted on the Brazilian legislation, starting with the Constitution, following the verification of possible elements in the tax code and including the bills on the subject. In the sequel, there were criteria for the institution of the tribute, the main legal questions, relating to economic and tax practice, along with opinions both favorable and unfavorable on the issue and alternatives to the implementation of the new tax. The results showed that IGF may be a valid tool for greater fairness in tax collection in the country gradually, provided it is well used, with criteria that seek the true spirit of the tax that would charge more to those who are very rich, taking full account of the principle of ability to pay. Alternatively, it is suggested that the government search for other ways to a similar result is reached.pt_BR
Appears in Collections:LL.M. em Direito Tributário

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Victor Alessandro Ferreira Fedrizzi_trabalho.pdfTexto Completo1.2 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open
Victor Alessandro Ferreira Fedrizzi_autorizacao.pdfIndisponível - Autorização Aluno196.07 kBAdobe PDFView/Open

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.