Análise dos ecossistemas de inovação e startups aceleradas do nordeste

Carregando...
Imagem de Miniatura
Orientador
Nakagawa, Marcelo Hiroshi
Co-orientadores
Tipo de documento
Trabalho de Conclusão de Curso
Data
2021
Título da Revista
ISSN da Revista
Título do Volume
Projetos de Pesquisa
Unidades Organizacionais
Fascículo
Resumo
Nos últimos anos, a popularidade das startups vem crescendo, principalmente entre os jovens. Segundo a pesquisa da empresa de recrutamento Cia de Talentos, 50% dos jovens entre 17 e 26 anos sonham em abrir o próprio negócio. Segundo essa mesma pesquisa, as 3 principais razões para se querer trabalhar em uma startup são propósito, autonomia e flexibilidade. Na sua essência, startups são empresas jovens com um modelo de negócio escalonável, e inseridas em um cenário de completa incerteza, e são cada vez mais responsáveis pela inovação e tecnologia dentro da economia. Assim como no ambiente internacional, nos últimos 5 anos aconteceu um boom de criação de startups no Brasil, chegando a cerca de 12 mil ao fim de 2019. O maior número de startups está localizada nos estados de São Paulo (41%) e Rio de Janeiro (9,7%), no entanto, apesar da falta de investimento, a região que mais cresceu desde 2013 foi o Nordeste, que hoje conta com 577 startups ativas segundo dados da Abstartups. Assim, nesse presente estudo será realizado um mapeamento do perfil dos ecossistemas de startups nordestinos e também uma análise de startups nordestinas que passaram por processo de aceleração com o intuito de entender como vem ocorrendo o desenvolvimento desse tipo de negócio no Nordeste.

Titulo de periódico
Título de Livro
Idioma
Português
Notas
Membros da banca
Carvalho, Thiago de
Área do Conhecimento CNPQ
Ciências Sociais Aplicadas
Citação