Produtividade no Brasil: uma análise comparativa entre os setores industrial e agropecuário

Carregando...
Imagem de Miniatura
Orientador
Vieira, Heleno Piazentini
Co-orientadores
Tipo de documento
Trabalho de Conclusão de Curso
Data
2023
Título da Revista
ISSN da Revista
Título do Volume
Projetos de Pesquisa
Unidades Organizacionais
Fascículo
Resumo
Neste trabalho, são analisadas a evolução da produtividade nos setores agropecuário e industrial, constatando-se que a produtividade agropecuária apresentou avanços nos últimos anos, ao passo que a produtividade industrial permaneceu estagnada. A revisão de literatura aborda as características associadas ao desenvolvimento de ambos os setores no Brasil, destacando as políticas governamentais adotadas e suas particularidades. Além disso, é discutido o conceito de indústria nascente, fundamentado no modelo de economias externas de escala. Também é abordado o movimento de abertura comercial, seguido de uma discussão comparativa baseada nas informações coletadas na revisão de literatura e nos debates anteriores. O estudo revela como principal resultado que as diferenças na evolução da produtividade podem ser atribuídas ao fato de o setor agropecuário estar mais exposto à competitividade internacional, enquanto a indústria permaneceu mais protegida. Essa proteção à indústria pode ter contribuído para sua estagnação, ao passo que a exposição do setor agropecuário à competição externa impulsionou avanços na produtividade. Essas conclusões ressaltam a importância de políticas econômicas que estimulem a competitividade e a abertura ao comércio internacional, visando impulsionar o desenvolvimento sustentável de ambos os setores.

In this paper, the evolution of productivity in the agricultural and industrial sectors is analyzed, noting that agricultural productivity has advanced in recent years, while industrial productivity has remained stagnant. The literature review addresses the characteristics associated with the development of both sectors in Brazil, highlighting the government policies adopted and their particularities. In addition, the concept of nascent industry is discussed, based on the model of external economies of scale. The trade liberalization movement is also addressed, followed by a comparative discussion based on information collected in the literature review and in previous debates. The study reveals as the main result that the differences in the evolution of productivity can be attributed to the fact that the agricultural sector is more exposed to international competitiveness, while the industry remained more protected. This protection of the industry may have contributed to its stagnation, while the exposure of the agricultural sector to foreign competition boosted productivity. These conclusions underscore the importance of economic policies that encourage competitiveness and openness to international trade, with a view to boosting the sustainable development of both sectors.

Titulo de periódico
Título de Livro
Idioma
pt
Notas
Membros da banca
Vieira, Heleno Piazentini
Gamboa, Ulisses Monteiro Ruiz de
Área do Conhecimento CNPQ
CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS
Citação