Conflitos entre investimentos em qualidade e o valor da ociosidade no setor aéreo brasileiro

Carregando...
Imagem de Miniatura
Orientador
Co-orientadores
Tipo de documento
Working Paper
Data
2008
Título da Revista
ISSN da Revista
Título do Volume
Projetos de Pesquisa
Unidades Organizacionais
Fascículo
Resumo
O setor de serviços está em pleno crescimento chegando a ter hoje mais de 60% de participação no PIB brasileiro, de tal modo que muito se tem discutido referente a estratégias de medidas de desempenho e ações de melhorias neste âmbito. A classificação dos objetivos de desempenho neste setor pode ser bastante variada, dependendo das particularidades competitivas consideradas. Entretanto esta classificação conduz, em geral, a conflitos de escolhas, tais como entre custos e qualidade. Neste sentido, este estudo pretende classificar os objetivos de desempenho de três empresas aéreas brasileiras (baseados em suas missões) e verificar quais os conflitos gerados por esta categorização. Para isso, são analisadas cinco proposições que quantificam os trade-offs existentes entre os objetivos propostos para as empresas aéreas, concluindo que quanto maior o investimento em qualidade, maior o valor da ociosidade. Também foi analisada a distância que estas empresas aéreas operam de suas fronteiras de recursos, onde se verificou que quanto mais próximas desta fronteira maiores as ocorrências de trade-offs, ou seja, se torna mais difícil para estas empresas conseguirem melhorar os objetivos de desempenho de forma simultânea. Para este estudo foram utilizados dados públicos disponíveis pela Associação Nacional de Aviação Civil (ANAC) no período de até dez anos. Estas análises se mostram bastante significativas nos processos de melhoria na estratégia de decisão das empresas.

Titulo de periódico
Título de Livro
Idioma
Português
Notas
Membros da banca
Área do Conhecimento CNPQ
Ciências Sociais Aplicadas
Citação