A integração da gestão estratégica, governança e gestão de riscos: impacto da crise de 2008 em duas companhias de alimentos

Carregando...
Imagem de Miniatura
Autores
Silva Junior, Antonio Francisco de Almeida da
Araújo, Raquel Ângelo
Orientador
Co-orientadores
Tipo de documento
Artigo Científico
Data
2013
Título da Revista
ISSN da Revista
Título do Volume
Projetos de Pesquisa
Unidades Organizacionais
Fascículo
Resumo
Durante a crise de 2008, diversas empresas brasileiras acumularam perdas bilionárias, como resultado de estratégias empresariais calcadas em exposição cambial elevada, de falhas de gestão de riscos e de governança corporativa. O objetivo deste trabalho é identificar os fatores e as estratégias adotadas que contribuíram para que duas empresas muito similares seguissem trajetórias distintas na crise financeira de 2008. Para compreender melhor o assunto, fez-se uma breve análise dos fundamentos da governança corporativa, das exigências das listagens da BM&FBOVESPA e dos princípios de gestão de riscos financeiros. A pesquisa identificou que a política de gestão de riscos é elemento fundamental na aplicação das boas práticas de governança corporativa e que, apesar das inúmeras iniciativas de diversas instituições reguladoras e autorreguladoras em estabelecer mecanismos que garantam a boa utilização dessas práticas, ainda podem existir falhas de gestão capazes de permitir que empresas consideradas sólidas adotem estratégias que podem comprometer sua própria existência.

Titulo de periódico
Revista Ibero-Americana de Estratégia (RIAE)
Título de Livro
Idioma
Português
Notas
Membros da banca
Área do Conhecimento CNPQ
Citação