Proteção aos credores: mecanismos previstos na legislação das Sociedades Limitadas e das Sociedades Anônimas.

Carregando...
Imagem de Miniatura
Orientador
Buzatto, Ana Cristina Von Gusseck Kleindienst
Co-orientadores
Tipo de documento
Trabalho de Conclusão de Curso
Data
2018
Título da Revista
ISSN da Revista
Título do Volume
Projetos de Pesquisa
Unidades Organizacionais
Fascículo
Resumo
Diante de seguidas crises econômicas que o Brasil tem enfrentado nos últimos anos, as sociedades empresárias, os empresários e administradores deparam-se com desafios de gestão e sobrevivência, sendo a inadimplência, ou seja, o não recebimento dos seus clientes um dos desafios a serem superados. De modo a auxiliar a vislumbrar os riscos e maneiras de proteção dos credores, este trabalho tem por objetivo, através da pesquisa bibliográfica e da revisão da literatura jurídica, demonstrar os mecanismos de proteção aos credores que estão previstos na legislação societária. Aprofundou-se nesta pesquisa em dois tipos de sociedades brasileiras, as Sociedade Limitadas e as Sociedades Anônimas. Neste contexto, a estrutura do trabalho foi iniciada pela demonstração dos institutos jurídicos de proteção aos credores das Sociedades Limitadas; em seguida, apresentação dos institutos jurídicos de proteção aos credores das Sociedades Anônimas; e apresentou-se algumas discussões existentes a respeito da eficácia de tais institutos. É possível observar por meio desta pesquisa que, a legislação societária que abrange estes dois tipos de sociedades, possui mecanismos que foram concebidos com o intuito de proteção aos credores que transacionam com a sociedade, como por exemplo: as regras de movimentação e publicidade do capital social, o mecanismo de oposição de credores na hipótese de redução do capital social, as reservas legalmente exigidas, a restrição a negociações de ações. Nota-se nestes tipos societários, que as Sociedades Anônimas estão submetidas a uma quantidade maior de mecanismos de proteção dos credores e sua legislação é mais detalhada se comparado as Sociedades Limitadas. Cumpre salientar que, há discussões e questionamentos quanto a eficácia de boa parte destes mecanismos de proteção aos credores em ambas as sociedades, dado que tais mecanismos podem não captar e garantir a real condição patrimonial e financeira das sociedades.

Titulo de periódico
Título de Livro
Idioma
Português
Notas
Membros da banca
Buzatto, Ana Cristina Von Gusseck Kleindienst
Área do Conhecimento CNPQ
Citação