Política de metas de inflação e o repasse da variação cambial para o nível de preços

Carregando...
Imagem de Miniatura
Co-orientadores
Tipo de documento
Trabalho de Conclusão de Curso
Data
2014
Título da Revista
ISSN da Revista
Título do Volume
Projetos de Pesquisa
Unidades Organizacionais
Fascículo
Resumo
Oscilações nas taxas de câmbio representam um repasse aos níveis de inflação de uma dada economia através tanto de efeitos diretos sobre preços de produtos importados como de variações nos preços de bens não transacionáveis, por motivos como, por exemplo, mudanças nos custos de produção das firmas. Assim sendo, como parte da literatura econômica observou uma notável redução nesses níveis de repasse nas últimas décadas, o presente estudo se propõe a buscar se, de fato, é verificável tal diminuição para os preços de uma dada economia quando ocorre a adoção de uma política de metas de inflação pelo respectivo Banco Central. Com uma autoridade monetária comprometida com a manutenção de uma meta inflacionária, acredita-se que as firmas estariam menos inclinadas a repassar variações cambiais de curto prazo para seus preços reduzindo, portanto, o impacto de tais alterações na inflação. Para tanto este trabalho se utilizará de uma análise empírica através de modelos econométricos para verificar e mensurar tais efeitos em oito economias (África do Sul, Austrália, Brasil, Coréia do Sul, México, Nova Zelândia, Reino Unido e Suécia). Os resultados corroboram com a hipótese previamente levantada; indicando que em um considerável número das localidades estudadas pode-se observar uma queda relevante no repasse cambial para a inflação após a adoção da política de metas de inflação por parte da autoridade monetária local.

Titulo de periódico
Título de Livro
Idioma
Português
Notas
Membros da banca
Área do Conhecimento CNPQ
Citação