Simulação de fusão em políticas de competição: aplicação do método de Björnerstedt e Verboven ao mercado brasileiro de computadores pessoais

Carregando...
Imagem de Miniatura
Orientador
Moita, Rodrigo Menon Simoes
Co-orientadores
Tipo de documento
Dissertação
Data
2015
Título da Revista
ISSN da Revista
Título do Volume
Projetos de Pesquisa
Unidades Organizacionais
Fascículo
Resumo
Este trabalho propõe-se a aplicar um modelo de simulação de fusão, com o intuito de estudar o impacto de efeitos unilaterais e coordenados, resultantes de atos de concentração, em um determinado setor da economia brasileira, assim como fornecer informações indicativas sobre as condições de concorrência desse setor. Para tanto, o método empregado foi elaborado por Björnerstedt e Verboven, escolhido por dispor de uma rotina econométrica acessível (desenvolvida em Stata, conhecida por “pacote mergersim”), munido de procedimentos preparados para serem reproduzidos e que geram resultados passíveis de testes (ou seja, aplicando-se a mesma técnica e mesmo conjunto de dados, obtêm-se os mesmos resultados) e concebido com premissas para estimação da demanda e oferta claramente especificadas. O setor da economia brasileira escolhido para desenvolver esta análise foi o mercado brasileiro de computadores pessoais, em razão da disponibilidade e nível de detalhe dos dados obtidos, sendo um setor oligopolista dinâmico e com histórico de ocorrência de atos de concentração. Dedicamos boa parte deste estudo a descrever e reproduzir os procedimentos apresentados por Björnerstedt e Verboven em seu working paper “Merger Simulation with Nested Logit Demand: Implementation using Stata”, a partir de exercícios de simulação aplicados em um exemplo hipotético de fusão entre duas empresas líderes do setor analisado. Tal exercício foi implementado em Stata, utilizando os comandos e instruções do pacote mergersim, que esboçam as etapas que fundamentam a execução de uma simulação de fusão, a começar pela: (i) especificação e estimação da demanda, para o qual foi utilizado um modelo aggregated nested logit em 2 níveis; (ii) seguido da especificação do modelo de competição, que assume o modelo de oligopólio na qual as firmas competem a la Bertrand-Nash; (iii) e, por default, assumem que os custos marginais das firmas são constantes. Os resultados gerados por esses exercícios forneceram evidências quantitativas do alcance dos efeitos unilaterais e coordenados de atos de concentração econômica no setor brasileiro de computadores pessoais (através das variações apresentadas por indicadores como preços, market shares, excedente do consumidor, índice de Herfindahl-Hirschman, taxas de concentração de mercado, entre outros). Além disso, forneceram informações indicativas sobre as condições de concorrência desse mercado (através das elasticidades-preço da demanda e mark-ups, por exemplo). Observou-se indícios de um setor moderadamente concentrado, porém bastante competitivo e, embora registre por volta de 60% do market share em posse das quatro maiores empresas, vem apresentando mudanças no poder de mercado das empresas líderes nos últimos anos.

Titulo de periódico
Título de Livro
Idioma
Português
Notas
Membros da banca
Mello, Joao Manoel Pinho
Barbosa, Klenio De Souza
Área do Conhecimento CNPQ
Citação