A influência da rotatividade de funcionários nos resultados das organizações: um estudo no comércio brasileiro

Carregando...
Imagem de Miniatura
Orientador
Ferreira, Luciana Carvalho de Mesquita
Co-orientadores
Tipo de documento
Dissertação
Data
2012
Título da Revista
ISSN da Revista
Título do Volume
Projetos de Pesquisa
Unidades Organizacionais
Fascículo
Resumo
Esta dissertação se propõe a aprofundar as pesquisas sobre a relação entre rotatividade de funcionários e resultados organizacionais, considerando a lacuna existente na literatura acadêmica sobre esta relação no contexto brasileiro e tendo em vista a relevância do assunto na busca pela otimização do desempenho das empresas. A partir de uma abordagem no nível organizacional, que utiliza dados de uma única empresa com diversas filiais comparáveis entre si, tem como objetivos (1) verificar se, na empresa específica de análise, as lojas com menor rotatividade de funcionários são aquelas com melhores resultados, em termos econômicos (volume de vendas) e organizacionais (acidentes de trabalho) e (2) verificar se certas práticas de gestão de Recursos Humanos impactam negativamente a rotatividade de funcionários, especificamente as ações de reconhecimento (quantidade de promoções ou aumentos salariais aplicados) e investimento em treinamento profissional (em horas-treinamento). Os resultados empíricos demonstram evidências estatisticamente significantes de forte relação entre rotatividade de funcionários e vendas, suportando as previsões de estudos prévios. As demais relações não foram comprovadas, entretanto os resultados da pesquisa não descartam a proposição de relação entre rotatividade de funcionários e acidentes de trabalho e sugerem que as práticas de gestão de Recursos Humanos podem possuir efeito positivo na rotatividade de funcionários, dependendo de sua motivação e organização.

Titulo de periódico
Título de Livro
Idioma
Português
Notas
Membros da banca
Islam, Gazi
Limongi-França, Ana Cristina
Área do Conhecimento CNPQ
Citação