Principais determinantes do volume captado por fundos de private equity em países emergentes

Carregando...
Imagem de Miniatura
Co-orientadores
Tipo de documento
Trabalho de Conclusão de Curso
Data
2018
Título da Revista
ISSN da Revista
Título do Volume
Projetos de Pesquisa
Unidades Organizacionais
Fascículo
Resumo
Dentre o ecossistema global de investimentos e alocação em classe de ativos, a indústria de Private Equity se posiciona como um investimento alternativo de longo prazo e altos retornos para investidores institucionais. Relevante no portfólio de investidores está a proporção alocada em mercados emergentes, cujo ambiente institucional e de negócios proporciona interessantes oportunidades, ainda mais se tratando de alocação em fundos de Private Equity, que se consolidam com retornos atrativos, mas possuem ainda pouco representação em comparação com fundos em países desenvolvidos. Este estudo almeja analisar a indústria de Private Equity em países emergentes, com enfoque na captação de investimentos. Desta forma, o presente artigo caracteriza-se como uma análise sobre os determinantes para tais aportes por parte de investidores institucionais, buscando listar os principais fatores macroeconômicos e microeconômicos que embasam a tomada de decisão de investir nestes fundos alternativos em selecionadas economias em desenvolvimento.

Titulo de periódico
Título de Livro
Idioma
Português
Notas
Membros da banca
Gonçalves, Adalto Barbaceia
Área do Conhecimento CNPQ
Citação