Os impactos econômicos da reunificação da Alemanha após a queda do muro de Berlim em 1989

Carregando...
Imagem de Miniatura
Orientador
Oliveira, Vinicius de Bragança Müller e
Co-orientadores
Tipo de documento
Trabalho de Conclusão de Curso
Data
2018
Título da Revista
ISSN da Revista
Título do Volume
Projetos de Pesquisa
Unidades Organizacionais
Fascículo
Resumo
Atualmente a Alemanha é a quarta maior economia do mundo, mas isso nem sempre foi assim. Esse estudo tem como objetivo analisar os impactos econômicos da reunificação da Alemanha após a queda do Muro de Berlim em 1989, identificando o papel das instituições, políticas e econômicas, na reconstrução e no desenvolvimento da economia alemã. O método utilizado para avaliar os impactos foi a técnica de pesquisa a bibliografia, partindo do entendimento sobre o contexto da Alemanha antes e depois da reunificação, e a análise das instituições e como elas possivelmente impactaram variáveis econômicas ao longo do tempo. Dessa forma, essa dissertação traz um estudo sobre as diferenças institucionais da Alemanha Oriental e da Alemanha Ocidental, e como essas diferenças tiveram um grande papel para o desenvolvimento econômico alemão durante e após o processo de reunificação.

Titulo de periódico
Título de Livro
Idioma
Português
Notas
Membros da banca
Oliveira, Vinicius de Bragança Müller e
Área do Conhecimento CNPQ
Citação