Suicídio de Policiais Militares do Estado de São Paulo

Carregando...
Imagem de Miniatura
Orientador
Cuffa, Marina de
Co-orientadores
Tipo de documento
Trabalho de Conclusão de Curso
Data
2020
Título da Revista
ISSN da Revista
Título do Volume
Projetos de Pesquisa
Unidades Organizacionais
Fascículo
Resumo
Dia 01 de Maio de 2020, por volta de 08h30, uma policial militar cometeu suicídio logo após praticar homicídio contra seu filho de 9 meses. Dia 03 de Maio de 2020, por volta de 04h30, um oficial da PMESP foi localizado em seu apartamento com um disparo em sua cabeça. Dia 14 de maio, um policial militar adentrou o comércio onde trabalhava sua ex-esposa, atirou na mesma e se suicidou. Dia 26 de maio, um policial militar, com menos de 3 anos de profissão, cometeu suicídio com disparo de arma de fogo na cabeça, em sua residência. O suicídio no Brasil vem crescendo e, na Polícia Militar do Estado de São Paulo (PMESP), em taxas alarmantes de três a cinco vezes maiores do que o restante da população. A proposta deste trabalho é analisar o suicídio como fenômeno coletivo, buscando os fatores relacionados à diferença do número de suicídios de policiais no Estado de São Paulo e do restante da população, e uma análise das medidas de controle internas adotadas pela corporação. Será feita uma revisão, por meio de entrevistas e análise de dados estatísticos, do histórico de tais medidas de controle internas. Espera-se assim, verificar a eficácia de tais medidas, se estas podem ser aprimoradas e se outras podem ser adotadas, direcionando tais medidas aos principais fatores de risco identificados.

Titulo de periódico
Título de Livro
Idioma
Português
Notas
Membros da banca
Área do Conhecimento CNPQ
Citação