Portabilidade de crédito e spread bancário: uma evidência no mercado brasileiro

Carregando...
Imagem de Miniatura
Orientador
Ferreira, Miguel Almeida
Co-orientadores
Tipo de documento
Dissertação
Data
2017
Título da Revista
ISSN da Revista
Título do Volume
Projetos de Pesquisa
Unidades Organizacionais
Fascículo
Resumo
Este estudo visa identificar os possíveis impactos no mercado de crédito brasileiro decorrentes da resolução nº 4.292 do Banco Central do Brasil, referente à portabilidade de crédito. Tal alteração aumentou a facilidade dos tomadores de crédito em trocarem de instituição credora caso identificassem condições mais atraentes em outras instituições financeiras. Espera-se que isto aumente a competição neste mercado e, consequentemente, reduza o poder de mercado na formação dos preços por tais instituições. Através de análise econométrica, por diferenças em diferenças, com dados de spread bancário de 231 instituições financeiras no período de janeiro de 2012 a janeiro de 2017, encontramos evidência que o spread praticado por estas instituições foi menor para as modalidades de crédito às quais a resolução se aplicou.

Titulo de periódico
Título de Livro
Idioma
Português
Notas
Membros da banca
Ferreira, Miguel Almeida
Azedo, Paulo Furquim De
Major, Maria João
Área do Conhecimento CNPQ
Citação