Trade Credit no Brasil: um estudo da era Dilma

Carregando...
Imagem de Miniatura
Orientador
Gonçalves, Adalto Barbaceia
Co-orientadores
Tipo de documento
Trabalho de Conclusão de Curso
Data
2017
Título da Revista
ISSN da Revista
Título do Volume
Projetos de Pesquisa
Unidades Organizacionais
Fascículo
Resumo
O objetivo deste estudo é analisar o comportamento de três indicadores de trade credit de empresas ao longo dos dois mandatos presidenciais de Dilma Roussef. O segundo mandato está associado à uma grave crise econômica, enquanto o primeiro foi marcado por uma época de estímulo artificial da economia embasado em uma agenda desenvolvimentista. Os resultados sugerem que a crise no segundo mandato de Dilma causou uma deterioração subsequente no trade credit ofertado pelas empresas, enquanto o primeiro mandato observou aumentos no trade credit. Os resultados também indicam que o nível de vulnerabilidade de uma empresa influencia sua sensibilidade a alterações no quadro econômico; companhias com maior grau de endividamento de curto prazo sofrem quedas mais bruscas no trade credit no início de uma crise.

Palavras-chave
Titulo de periódico
Título de Livro
Idioma
Português
Notas
Membros da banca
Área do Conhecimento CNPQ
Citação