Uma guerra comercial entre Estados Unidos e China: quantificando consequências econômicas na Coréia do Sul

Carregando...
Imagem de Miniatura
Co-orientadores
Tipo de documento
Trabalho de Conclusão de Curso
Data
2019
Título da Revista
ISSN da Revista
Título do Volume
Projetos de Pesquisa
Unidades Organizacionais
Fascículo
Resumo
Em um cenário de difícil vizualização do futuro da ordem internacional do comércio, a Coréia do Sul se encontra em uma encruzilhada, afinal seus dois maiores parceiros comerciais são os principais atores de uma Guerra Comercial. Com uma crescente interdependência econômica em relação às grandes potências mundias, Estados Unidos e China, medidas políticas envolvendo qualquer um desses países pode acarretar em impactos significativos na Coréia. Dadas as drásticas possíveis consequências desse evento, a evolução das relações bilaterais entre EUA e China devem ser prioridade na agenda do presidente coreano Moon Jae In. Este estudo tem por objetivo entender como a Coréia do Sul, país que está diretamente envolvido na cadeia produtiva chinesa, será economicamente afetado dentro de um contexto de Guerra Comercial entre a China e Estados Unidos. O impacto econômico será medido através de alterações no bem-estar da economia sul-coreana, em específico, alterações percentuais no consumo real do país, seguindo a metodologia de Costinot e Rodríguez-Clare (2014), onde prova-se que modelos que utilizam a Equação da Gravidade podem ser utilizados para quantificar ganhos com o mércio internacional definido como o valor absoluto da variação percentual da renda real associada a movimentação de um país do seu equilíbrio atual para um com iceberg trade costs infinitos. Focando na avaliação de políticas comerciais, por meio do modelo de Armington foram construidos dois cenários contrafactuais,o primeiro no qual todos os países se envolvem na guerra comercial e o segundo no qual ocorre apenas a participação da China no conflito. Chega-se ao resultado de que a Coréia do Sul será afetada negativamente pela Guerra Comercial a independer do cenário. Contudo, a perda pode chegar a ser nove vezes maior no Cenário 2. Dessa forma, conclui-se que é necessária uma avaliação de medidas comerciais para que o país se mova rapidamente e estratégicamente, especialmente em estágios iniciais do conflito.

Titulo de periódico
Título de Livro
Idioma
Português
Notas
Área do Conhecimento CNPQ
Ciências Sociais Aplicadas
Citação