Governança corporativa e os deveres fiduciários dos administradores: a vinculação da administração de companhias abertas por meio de acordo de acionistas

Carregando...
Imagem de Miniatura
Orientador
Buzatto, Ana Cristina Von Gusseck Kleindienst
Co-orientadores
Tipo de documento
Trabalho de Conclusão de Curso
Data
2018
Título da Revista
ISSN da Revista
Título do Volume
Projetos de Pesquisa
Unidades Organizacionais
Fascículo
Resumo
Este artigo tem por objetivo a análise acerca da possibilidade e extensão da vinculação de administradores de companhias abertas aos acionistas signatários de acordos de acionistas por meio de tais acordos, bem como a análise de seus impactos aos acionistas controladores e minoritários, considerando a existência de um complexo sistema de governança corporativa que tem caminhado em sentido contrário à vinculação. O artigo pretende abordar os deveres fiduciários dos administradores como limitadores à vinculação, bem como a visão das correntes doutrinárias que ainda têm se desenvolvido sobre o tema e ainda não são consensuais em seus posicionamentos. Além disso, o presente trabalho abordará a posição das entidades autorreguladoras e como tais entidades têm trabalhado no reforço às melhores práticas de governança corporativa, visando o fortalecimento do mercado de capitais brasileiro e a mitigação da dúbia interpretação do artigo 118, §§ 8º e 9º da Lei 6.404/1976, que foi alterada pela Lei 10.303/2001, instituindo os regramentos mencionados, de forma a alinhar tais dispositivos ao interesse social da companhia e aos deveres fiduciários dos administradores. Em seguida, será apresentada a conclusão e o posicionamento sobre a possibilidade de vinculação da administração de companhia aberta a acordo de acionistas devidamente arquivado na sede da companhia.

Titulo de periódico
Título de Livro
Idioma
Português
Notas
Membros da banca
Buzatto, Ana Cristina Von Gusseck Kleindienst
Área do Conhecimento CNPQ
Citação