Fundos de impacto social: até que ponto financeiramente vale a pena investir?

Carregando...
Imagem de Miniatura
Orientador
Gonçalves, Adalto Barbaceia
Co-orientadores
Tipo de documento
Trabalho de Conclusão de Curso
Data
2018
Título da Revista
ISSN da Revista
Título do Volume
Projetos de Pesquisa
Unidades Organizacionais
Fascículo
Resumo
Durante os últimos 10 anos observou-se um desenvolvimento significante na área de investimento de impacto. Alguns anos atrás, apenas alguns “players” se identificavam como Investidores de Impacto, poucos fundos já tinham investidos neste setor até então. Essa crescente é devido basicamente ao aumento acentuado no número de investidores jovens e a quantidade de capital facilitando o desenvolvimento deste tipo de investimento. Com a entrada no mercado deste tipo de fundo, os fundos tradicionais, mais presentes no mercado, começam a ter o seu mercado um pouco mais competitivo e dividido. Apesar de no Brasil os fundos, do tipo socialmente responsáveis, serem novos e não tão consolidados como em outros países, estes mercados vêm crescendo exponencialmente nos últimos anos, visto que se é possível gerar um benefício social junto com ganhos financeiros. Este estudo visa discutir e analisar a perspectiva de crescimento deste tipo de fundo, juntamente com uma comparação da performance entre fundos de impacto social e fundos de investimentos tradicionais em ações. Apesar de os resultados esperados, de acordo com os estudos anteriores, apresentarem performance semelhantes entres Fundos de Investimento Socialmente Responsáveis e Fundos de Investimento Tradicionais, este estudo apresentou resultados diferentes, onde os fundos com seu benchmark voltado para ganhos sociais possuem rentabilidade abaixo dos outros fundos comparados.

Titulo de periódico
Título de Livro
Idioma
Português
Notas
Membros da banca
Gonçalves, Adalto Barbaceia
Área do Conhecimento CNPQ
Citação