Outsiders na Política Melhoram a Gestão Municipal?

Carregando...
Imagem de Miniatura
Autores
Oliveira, Vitor Estrada de
Komatsu, Bruno Kawaoka
Hott, Henrique Augusto Campos Fernandez
Orientador
Co-orientadores
Tipo de documento
Relatório de pesquisa
Data
2019
Título da Revista
ISSN da Revista
Título do Volume
Projetos de Pesquisa
Unidades Organizacionais
Fascículo
Resumo
Apesar da crescente discussão a respeito da conquista de protagonismo dos candidatos de “fora do sistema político” ao redor do mundo, a literatura especializada ainda carece de análises sobre do impacto que a eleição desses políticos outsiders causa na condução da administração pública e nas políticas públicas, principalmente na esfera local. Assim, o objetivo deste trabalho é justamente preencher tais lacunas, analisando quais são as diferenças entre os municípios brasileiros que elegem prefeitos outsiders e aqueles que elegem políticos tradicionais no que tange à condução da máquina pública e à qualidade da educação ofertada. Utilizando o desenho de regressão descontínua em eleições acirradas, encontra-se que os municípios administrados por outsiders entre 2009 e 2012 obtiveram melhores desempenhos tanto no gerenciamento da administração local quanto no IDEB dos anos finais. Esse resultado educacional parece ser explicado pela maior evolução das taxas de aprovação dos alunos nesses municípios.

Titulo de periódico
Título de Livro
Idioma
Português
Notas
Membros da banca
Área do Conhecimento CNPQ
Ciências Sociais Aplicadas
Citação