O tag along e sua utilização como mecanismo de defesa dos acionistas minoritários no acordo de acionistas nas companhias fechadas

Carregando...
Imagem de Miniatura
Orientador
Merlussi, Natália Parmigiani
Co-orientadores
Tipo de documento
Trabalho de Conclusão de Curso
Data
2015
Título da Revista
ISSN da Revista
Título do Volume
Projetos de Pesquisa
Unidades Organizacionais
Fascículo
Resumo
O objetivo deste trabalho é identificar as problemáticas a serem evitadas na elaboração do acordo de acionistas de bloqueio com previsão de tag along nas companhias fechadas para maior segurança e eficácia de aplicabilidade para o investidor estratégico. O tema é atual e relevante considerando a importância que os investidores estratégicos têm no cenário atual - pelo subdesenvolvimento do mercado de ações brasileiro e a prevalência de sociedades por ações fechadas. Para atrair esse tipo de investimento, as companhias devem prover segurança e estabilidade a esses investidores, o que pode ser feito por meio da previsão do direito ao tag along ao acionista minoritário. Para realizar essa ponderação analisamos a aplicação deste instituto nas sociedades por ações abertas, identificando as questões polêmicas para saná-las, ou tentar suprimi-las, na elaboração das cláusulas do acordo de acionistas da companhia fechada. Da análise realizada constatou-se a importância de preliminarmente adequar a negociação de acordo com o planejamento empresarial realizado pelas partes, negociando pontos como (i) objeto do tag along; (ii) eventos que provocam a possibilidade do seu exercício; (iii) condições a serem ofertadas ao acionista minoritário (investidor estratégico); (iv) determinação da forma de resolução de controvérsias; e (v) cláusulas com objetos distintos mas correlatos ao tema (lock up period, direito de preferência, entre outros).

Titulo de periódico
Título de Livro
Idioma
Português
Notas
Membros da banca
Área do Conhecimento CNPQ
Citação