Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.insper.edu.br/handle/11224/609
Type: Trabalho de Conclusão de Curso
Title: Fertilidade, mortalidade infantil e o papel das mulheres: um estudo para os municípios brasileiros
Authors: Reimann, Paula Edith Furlan
Examination board: Madalozzo, Regina Carla
Bugarin, Mauricio Soares
Advisor: Fiore, Eraldo Genin
Publication Date: 2010
Original Abstract: Este estudo tem por objetivo entender o papel de agência das mulheres sobre a taxa de fecundidade e a taxa de mortalidade infantil nos municípios brasileiros. Como representantes do papel de agências das mulheres foram usadas as variáveis alfabetização feminina e participação das mulheres no mercado de trabalho. As variáveis dependentes usadas foram taxa de fecundidade e taxa de mortalidade infantil. As variáveis independentes foram alfabetização feminina, alfabetização masculina, participação das mulheres no mercado de trabalho, participação dos homens no mercado de trabalho, urbanização, esperança de vida, médicos por 1000 habitantes, pobreza e dummies para representar as macrorregiões brasileiras. O estudo conclui que, nos municípios brasileiros, a alfabetização feminina tem um efeito negativo sobre a taxa de fecundidade e positivo sobre a mortalidade infantil. Já a participação das mulheres no mercado de trabalho tem um efeito positivo tanto para a taxa de fecundidade, quanto para a mortalidade infantil. Este estudo foi baseado em estudos feitos por Amartya Sen em seu livro Development as Freedom (1999).
Keywords in original language : Papel de agência
Fertilidade
Mortalidade infantil
Desenvolvimento
Abstract: This paper´s objective is to understand the paper of women´s agency on fertility rate and infant mortality rate in Brazilian municipalities. To represent women´s agency, the variables women´s literacy and participation of women in the labor market were used. The dependent variables were fertility rate and infant mortality rate. The independent variables used were women´s literacy, men´s literacy, participation of women in the labor market, participation of men in the labor market, urbanization, life expectancy, number of doctors per 1000 inhabitants, poverty and dummies for Brazilian macroregions. This paper concludes that, in Brazilian municipalities, women´s literacy has a negative effect on fertility rate and a positive effect on infant mortality rate. Women´s participation in the labor market has a positive effect both on fertility rate and infant mortality rate. This paper was based on the studies done by Amartya Sen in his book Development as Freedom (1999).
Language: Português
Copyright: Todos os documentos desta Coleção podem ser acessados, mantendo-se os direitos dos autores pela citação da origem.
Appears in Collections:Graduação em Economia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Paula Edith Furlan Reimann_trabalho.pdfTexto Completo481.34 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open
Paula Edith Furlan Reimann_aluno.pdfIndisponível - Autorização Aluno439.24 kBAdobe PDFView/Open

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.