GIULIANA ISABELLA

Projetos de Pesquisa
Unidades Organizacionais
Resumo profissional
Área de pesquisa
Nome para créditos

Resultados de Busca

Agora exibindo 1 - 10 de 45
  • Artigo Científico
    Envolvimento e Percepção dos Consumidores em Relação a Marcas Reposicionadas
    (2018) Szylit, Flavia; GIULIANA ISABELLA; Salmonson Guimarães Barros, Lucia
    O objetivo deste estudo foi identificar a relação entre o envolvimento do consumidor com uma marca, a percepção de seu reposicionamento e o consumo da marca reposicionada. Utilizou-se a rede de fast food Mc Donald’s, que incluiu alimentos saudáveis em seu cardápio como parte do esforço de reposicionamento da marca. A coleta de dados foi feita por meio de questionários on-line, os quais foram respondidos por uma amostra de 214 indivíduos. Para a análise de dados, utilizou-se a econometria, per mitindo a elaboração de um modelo de equações simultâneas com duas regressões, nas quais as variáveis dependentes são percepção e consumo. Os resultados indicaram que a percepção do reposicionamento depende positivamente da postura que o consumidor assume frente a uma alimentação balanceada e da frequência com que ele vai ao McDonald’s. Essa relação é negativa para as variáveis idade, sexo, escolari dade do consumidor e da importância que ele dá ao valor nutricional dos alimentos. O estudo sugere que a percepção é influenciada por estímulos pessoais e pelo envolvimento afetivo com a marca. Por outro lado, a aderência ao novo posicionamento não é influenciada por nenhum tipo de envolvimento, mas sim pelos estímulos pessoais dos consumidores.
  • Trabalho de Evento
    Envolvimento e Percepção dos Consumidores em Relação a Marcas Reposicionadas
    (2011) Szylit, Flavia; GIULIANA ISABELLA; Barros, Lucia Salmonson Guimarães
    O objetivo desse estudo foi identificar a relação entre o envolvimento do consumidor com uma marca, a percepção de seu reposicionamento e a probabilidade de compra da marca reposicionada. Como objeto de estudo, utilizou-se a rede de fast food McDonald’, que incluiu alimentos saudáveis em seu cardápio, como parte do esforço de reposicionamento da marca. A coleta de dados foi feita por meio de questionários on-line, os quais foram respondidos por uma amostra de 214 indivíduos. A análise de dados foi feita utilizando-se a econometria, permitindo a elaboração de um modelo de equações simultâneas com duas regressões, nas quais as variáveis dependentes são percepção e consumo. Os resultados indicaram que a percepção do reposicionamento depende positivamente da importância que o consumidor dá a uma alimentação balanceada e da frequência que o consumidor vai ao McDonald’s, e negativamente da idade, sexo, escolaridade do consumidor e da importância que o consumidor dá ao valor nutricional dos alimentos. O estudo sugere que a percepção é influenciada por estímulos pessoais e pelo envolvimento afetivo com a marca, enquanto a aderência ao novo posicionamento não é influenciada por nenhum tipo de envolvimento, mas sim por estímulos pessoais.
  • Trabalho de Evento
    Pode Ser Constrangedor, Mas Eu Encaro e Compro! – Um Estudo da Influência do Constrangimento do Consumidor no Processo de Compra
    (2014) GIULIANA ISABELLA; Barros, Lucia Salmonson Guimarães; Mazzon, José Afonso
    A literatura sobre constrangimento pode ser dividida em dois grandes temas: situações de compra e de consumo que causam constrangimento e situações em que o consumidor age para evitar experimentar esta emoção no futuro. O presente artigo aborda um terceiro tema, explorando como o consumidor se comporta em momentos que está constrangido. Entrevistas em profundidade com balconistas de farmácia e consumidores foram realizadas. A análise de conteúdo resultou na elaboração de um framework conceitual (com quatro categorias Abandonar, Encorajar, Encarar e Fugir) e um conjunto de proposições.
  • Artigo Científico
    Developing a holistic understanding of consumers’ experiences: An integrative analysis of objective and subjective elements in physical retail purchases
    (2019) Dalmoro, Marlon; GIULIANA ISABELLA; Almeida, Stefânia Ordovás de; Fleck, João Pedro dos Santos
  • Artigo Científico
    Recovery Satisfaction Construct and Construct-Related: Assessment Measurement from Item Response Theory
    (2019) Hernani-Merino, Martín Nelson; GIULIANA ISABELLA; Vargas, Enver Gerald Tarazona; Mazzon, José Afonso
  • Artigo Científico
    Efeitos das estratégias de marketing de compras coletivas sobre o comportamento impulsivo
    (2014) Dias, Suzi Elen Ferreira; Santos, Rosilene Maria dos; Martins, Vinicius; GIULIANA ISABELLA
    O Brasil tem o segundo maior mercado de e-commerce no mundo. Um modelo usado neste setor é o de "compra coletiva" que tem como característica a venda por impulso. O comportamento do consumidor pode ser influenciado por vários fatores, dois dos quais são abordados neste artigo: a impulsividade individual dos consumidores e as estratégias do mix de marketing. A compra impulsiva é caracterizada por uma compra não planejada, ou seja, a necessidade de adquirir o produto surge pouco antes da compra. Dependendo do seu grau de impulsividade, os consumidores respondem de forma diferente às estratégias utilizadas. Assim, este artigo tem como objetivo analisar a eficácia de diferentes estratégias relacionadas ao composto de marketing para o comportamento de compra do consumidor impulsivo e não-impulsivo. 137 participantes receberam um questionário contendo a escala Buying Impulsiveness de Rook e Fisher (1995), bem como declarações sobre as estratégias de marketing utilizadas por sites de compra coletiva. A análise de regressão mostrou que três estratégias estão relacionadas à impulsividade: procurar produtos de marcas bem conhecidas, busca de ofertas com grandes descontos e confiança em receber o produto. O estudo contribui para o e-commerce e pesquisadores apresentando as estratégias que, a partir da perspectiva do consumidor, são vistas como eficazes ao consumo.
  • Artigo Científico
    A Promoção por meio de Panfletos e a Decisão de Compra do Consumidor: uma Pesquisa Quantitativa-Descritiva
    (2013) Lino, Karoline dos Santos; Santos, Cynthia Cristina dos; Santos, Diego Brizante dos; Matsumoto, Monik Mitsuko; Cardoso, Priscila Pennella; Yamamoto, Tamyres Matiko; GIULIANA ISABELLA
    Tendo em vista os relevantes investimentos em propaganda e comunicação despendidos pelas grandes redes de supermercados, este artigo objetivou explorar a influência dos panfletos promocionais no comportamento de compra dos consumidores. O panfleto é muito utilizado pelo segmento de varejo, mas nem sempre explorado pela academia. Para estudar o tema, duas pesquisas foram realizadas em um hipermercado de grande porte nas cidades paulistas conhecidas por ABC (Santo André, São Bernardo e São Caetano), que ficam próximas à São Paulo. A intenção do primeiro estudo foi identificar a relação entre o objetivo de compra dos consumidores e os produtos adquiridos sob divulgação nos panfletos vigentes. O segundo estudo foi realizado, por meio de um formulário com 19 questões e teve como objetivo ratificar os dados encontrados no primeiro estudo. Para isso, questões de categorias de consumo, por exemplo, foram incluídas. A análise de dados apresentou indícios de influência dos panfletos no momento da compra. De acordo com a pesquisa de campo realizada, 8,4% das pessoas que receberam ou pegaram os panfletos no supermercado, os utilizaram durante suas compras e compraram um maior número de produtos, comparado às que não pegaram o panfleto. Segundo elas, ao ler o panfleto, lembraram-se da necessidade de adquirir algum produto.
  • Artigo Científico
    Modelo de suscetibilidade para a cultura de consumo global
    (2015) Hernani-Merino, Martín; Mazzon, José Afonso; GIULIANA ISABELLA
    Objetivo: Visto que encontrar similaridades entre as culturas é um ponto importante para se definir produtos globais, o presente artigo propõe um modelo para caracterizar e verificar o impacto dos traços latentes da suscetibilidade para a cultura de consumo global (SCCG) de consumidores globais na aquisição de marcas globais. Método: Amplo levantamento e análise na literatura de temas relacionados às características de consumo global. Fundamentação teórica: A literatura revisada, integrada em um modelo de SCCG com sete dimensões - conformidade com a tendência de consumo, responsabilidade social, percepção de qualidade, prestígio social, credibilidade da marca, risco percebido e custo de informação armazenada -, que pode influenciar a intenção de compra. Resultados: Como resultado propõe-se um modelo teórico integrativo das dimensões que fazem parte da suscetibilidade para a cultura de consumo global que levam o consumidor a adquirir marcas de presença global. O modelo proposto envolveu sete construtos que influenciam a SCCG. Por fim, incluiu-se a intenção de compra, que é o resultado decorrente da suscetibilidade. Contribuições: O modelo proposto possibilita atingir uma compreensão de por que os consumidores tendem a comprar e consumir marcas globais. Com o modelo é possível estudar com profundidade as diferenças individuais no que tange a preferências pessoais por marcas como símbolos e significados globais. Há ainda contribuição para os gestores internacionais, para elaborarem estratégias de global branding e de posicionamento nos diferentes mercados globais onde a marca global é comercializada.
  • Livro
    40 anos do Programa de Alimentação do Trabalhador: conquistas e desafios da política nutricional com foco em desenvolvimento econômico e social
    (2016) Barros, Fábio Meletti de Oliveira; Zilveti, Fernando Aurélio; GIULIANA ISABELLA; Carvalho, Hamilton Coimbra; Marques, Jane Aparecida; Guilhoto, Joaquim José Martins; Mazzon, José Afonso
    O Programa de Alimentação do Trabalhador (PAT) faz 40 anos e consolida-se como o mais duradouro programa socioeconômico do Brasil e um dos mais bem-sucedidos do mundo, com 19,5 milhões de pessoas favorecidas ao final de 2015. Assim, o PAT atende, com uma refeição diária, o equivalente a 211 estádios do Maracanã completamente lotados de trabalhadores. Em quatro décadas, estima-se que tenham sido servidas 79 bilhões de refeições, tendo esse programa gerado um impacto no PIB da ordem de R$ 2,4 trilhões. Com esses resultados, o PAT tornou-se referência para a Organização Internacional do Trabalho (OIT). Em um esforço conjunto entre o Governo Federal e a iniciativa privada, o programa exerce um importante papel social ao incentivar que cada vez mais empresas ofereçam aos trabalhadores uma dieta equilibrada, propiciando a eles e seus familiares mais qualidade de vida. Esta publicação, organizada pelo professor José Afonso Mazzon e apoiada pela Associação das Empresas de Refeição e Alimentação Convênio para o Trabalhador (Assert), traz um panorama completo do PAT, desde os fatores que levaram à sua implantação, passando pela experiência internacional com programas similares e pelos impactos sobre a atividade econômica brasileira, até as projeções para os próximos anos e oportunidades de expansão. Uma ótima referência para quem quer conhecer em detalhes o PAT e seus impactos socioeconômicos no país. Boa leitura!
  • Trabalho de Evento
    Recovery Satisfaction Construct and Construct-Related: Assessment Measurement From Item Response Theory
    (2015) Vargas, Enver Gerald Tarazona; GIULIANA ISABELLA; Mazzon, José Afonso; Hernani-Merino, Martín