O impacto do rodízio sobre a compra de automóveis em São Paulo

Carregando...
Imagem de Miniatura
Co-orientadores
Tipo de documento
Trabalho de Conclusão de Curso
Data
2012
Título da Revista
ISSN da Revista
Título do Volume
Projetos de Pesquisa
Unidades Organizacionais
Fascículo
Resumo
É evidente que o trânsito está, cada vez mais, representando um problema sério do mundo moderno. Tanto a perda de tempo em congestionamento, quanto os impactos negativos à saúde da população exercem implicações relevantes no âmbito econômico. Este estudo se propõe a revisar algumas das principais políticas de restrições veiculares pelo mundo todo e averiguar um aspecto importante a respeito do sistema adotado em São Paulo: o seu impacto sobre a compra de automóveis em São Paulo. Em um primeiro momento, analisa-se o comportamento das aquisições e despesas com aquisições de automóveis dentro das regiões metropolitanas de São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais, entre os anos 1995-1996, 2002- 2003 e 2008-2009 (complementarmente). Por fim, através da metodologia Diferenças em Diferenças pretende-se verificar o impacto do rodízio, implantado em 1997, sobre a compra de automóveis na região metropolitana de São Paulo. Tanto os resultados para automóveis, quanto os para motocicletas – também estudada como análise complementar – demonstram que o rodízio exerceu um impacto positivo de 3,6% sobre a compra de automóveis e 1,5% sobre a compra de motocicletas, dentro da região metropolitana de São Paulo.

Titulo de periódico
Título de Livro
Idioma
Português
Notas
Membros da banca
Área do Conhecimento CNPQ
Citação