Análise de colaborações entre governo e ONGs e da densidade de ONGs no Brasil

Carregando...
Imagem de Miniatura
Orientador
Co-orientadores
Tipo de documento
Artigo Científico
Data
2017
Título da Revista
ISSN da Revista
Título do Volume
Projetos de Pesquisa
Unidades Organizacionais
Fascículo
Resumo
Esta pesquisa analisa os efeitos da densidade de organizações sem fins lucrativos (ONGs) e da colaboração entre governo e ONGs no desenvolvimento humano e na desigualdade de renda no Brasil. Estudos de governança afirmam que a colaboração do governo com ONGs leva a melhores resultados sociais. Esta pesquisa testa essa hipótese em 5.562 municípios brasileiros usando modelos lineares e espaciais. Análises espaciais permitem a identificação de efeitos específicos ocorrendo em diferentes regiões. A taxa de convênios entre o governo federal e ONGs em cada município brasileiro está associada a uma diminuição da desigualdade de renda, porém está também associada a uma significativa queda do nível de desenvolvimento humano. A densidade de ONGs de diferentes áreas de atividade apresenta diversas relações com desenvolvimento humano e desigualdade. Esses resultados permitem uma análise mais realista de arranjos de governança, considerando seus impactos nas comunidades e as realidades locais.

Titulo de periódico
Revista de Administração Pública (RAP)
Título de Livro
Idioma
Português
Notas
Membros da banca
Área do Conhecimento CNPQ
Ciências Humanas

Ciências Sociais Aplicadas
Citação