Qual o impacto dos preços administrados na lucratividade da Petrobras?

Carregando...
Imagem de Miniatura
Co-orientadores
Tipo de documento
Trabalho de Conclusão de Curso
Data
2016
Título da Revista
ISSN da Revista
Título do Volume
Projetos de Pesquisa
Unidades Organizacionais
Fascículo
Resumo
A prática de preços administrados passou a ocupar grande espaço nas discussões a partir de 2012, com a queda cada vez maior dos lucros da Petrobras. Com tantas discussões, surgiu o questionamento do tamanho de tal impacto. Este presente estudo buscou quantificar e entender a perda da petrolífera com a prática de tal controle por parte do estado, por meio de cenários de comparação. Foram estimados dois cenários monopolistas, tendo em vista em que a petrolífera é responsável por 98% do mercado. No primeiro, a medida de custo marginal utilizada foi o preço do petróleo e, no segundo, utilizou-se o custo marginal de produção estimado pela Bernstein Research. Ainda, foi estimado um terceiro cenário no qual a empresa defronta-se com o tradeoff entre ser instrumento de política pública e maximizadora de lucros, para o qual foi utilizado o preço internacional da gasolina para o cálculo da receita. Este estudo conclui que os lucros da petrolífera poderiam ser maiores, principalmente a partir de 2010, sendo que, em média, a empresa deixou de ganhar R$843 bilhões em todo o período observado.

Titulo de periódico
Título de Livro
Idioma
Português
Notas
Membros da banca
Área do Conhecimento CNPQ
Citação