Análise do modelo em blocos para a concessão aeroportuária brasileira

Carregando...
Imagem de Miniatura
Orientador
Lazzarini, Sérgio Giovanetti
Co-orientadores
Tipo de documento
Trabalho de Conclusão de Curso
Data
2011
Título da Revista
ISSN da Revista
Título do Volume
Projetos de Pesquisa
Unidades Organizacionais
Fascículo
Resumo
O presente estudo propõe uma análise de viabilidade do modelo de concessão em blocos para o cenário de privatização aeroportuária brasileira. Para tal análise, foram construídos dois aeroportos modelo: com resultado operacional positivo- aeroporto- modelo superavitário, e com resultado operacional negativo- aeroporto modelo deficitário. Tais aeroportos- modelo foram considerados de maneira conjunta numa simulação de concessão em blocos, considerando eventuais ganhos de escala neste tipo de operação. A conclusão, sob os parâmetros e premissas propostos neste estudo, é a de que o modelo de concessão em blocos é uma alternativa viável para a privatização aeroportuária, economicamente atraente para o operador privado, uma vez que o Valor Presente Líquido dessa simulação é menos negativo quando comparado ao modelo de concessão unitária. No que concerne aos resultados do governo, isso significa menores gastos com subsídios e modelos de atração de investimentos para o caso dos aeroportos deficitários. Além disso, é esperado que a concessão em blocos estimule um desenvolvimento mais homogêneo da malha aeroviária do que a concessão unitária uma vez que obriga o operador privado a investir e procurar meios de tornar rentáveis as operações com aeroportos cujos resultados operacionais são negativos.

Titulo de periódico
Título de Livro
Idioma
Português
Notas
Membros da banca
Área do Conhecimento CNPQ
Citação