Seguro-depósito e estabilidade bancária: uma abordagem baseada nos atributos

Carregando...
Imagem de Miniatura
Orientador
Barbosa, Klênio De Souza
Co-orientadores
Tipo de documento
Dissertação
Data
2019
Título da Revista
ISSN da Revista
Título do Volume
Projetos de Pesquisa
Unidades Organizacionais
Fascículo
Resumo
Este trabalho explora as relações empíricas potenciamente existentes entre a estabilidade do sistema bancário, a introdução dos programas de seguro-depósito e determinados atributos destes programas (gestão, mandato e forma de contribuição). Adota-se um modelo com dados em painel, a partir de uma amostra de 133 países coletados ao longo de mais de 20 anos (1996-2016), espaço temporal que compreende a crise financeiro global e os períodos imediatamente precedente e subsequente. O objetivo é verificar o impacto dos diferentes desenhos das estruturas de seguro-depósito sobre a estabilidade bancária, à luz do cenário econômico vigente e da própria evolução no contorno dos mesmos atributos, em resposta às circunstâncias de cada país. As conclusões são basicamente duas: a) a implementação dos programas de seguro-depósito não guarda uma relação inequívoca com a estabilidade bancária; e b) a gestão pública dos programas de seguro-depósito apresenta uma relação negativa com a estabilidade bancária. Por fim, discute-se como temas ligados ao conceito de risco moral, tais como generosidade e disciplina de mercado, podem explicar os resultados obtidos.

Titulo de periódico
Título de Livro
Idioma
Português
Notas
Membros da banca
Lyrio, Marco Túlio Pereira
Lund, Bruno Pereira
Área do Conhecimento CNPQ
Citação