Crises financeiras e a nova economia institucional: causas e prevenção

Carregando...
Imagem de Miniatura
Orientador
Fonseca, Eduardo Gianetti da
Co-orientadores
Tipo de documento
Trabalho de Conclusão de Curso
Data
2008
Título da Revista
ISSN da Revista
Título do Volume
Projetos de Pesquisa
Unidades Organizacionais
Fascículo
Resumo
Este trabalho busca, por meio do ferramental desenvolvido pela Nova economia institucionail analisar as estruturas de incentivo observardas na crise do subprime, para posteriormente analisar quais devem ser as características de uma boa estrutura de governança para o sistema financeiro. Para tal, foram utilizados como base o livro de Oliver Williamsom, (Williamson, 2000), uma série de estudos de Herbert Simon (Simon, 1959, 1961, 1978, 1991), as análises da crise feitas por Borio (Borio, 2007, 2008) e Ellis (Ellis, 2007), e o documento do Tratado da Basiléia II (Basel Commitee on Banking Supervision,2006) Inicialmente é desenvolvido o ferramental da Nova Economia Institucional. Posteriormente é exposta a crise, e seus conflitos de interesse e incentivos analisados. Por fim, têm-se a sugestão de como devem ser conduzidas as políticas objetivando a regulamentação do mercado financeiro e a análise de política, que se utiliza do exemplo específico do Tratado da Basiléia II.

Titulo de periódico
Título de Livro
Idioma
Português
Notas
Membros da banca
Área do Conhecimento CNPQ
Citação