Um teste empírico para o CAPM Intertemporal utilizando dados brasileiros

Carregando...
Imagem de Miniatura
Co-orientadores
Tipo de documento
Trabalho de Conclusão de Curso
Data
2012
Título da Revista
ISSN da Revista
Título do Volume
Projetos de Pesquisa
Unidades Organizacionais
Fascículo
Resumo
O objetivo desse estudo é analisar a validade empírica do Intertemporal Capital Asset Pricing Model (ICAPM) utilizando dados brasileiros. Para tanto, utiliza-se a metodologia de Bali e Engle (2010), que permite a estimação das séries de covariância condicional entre os retornos de portfólios de ações e os fatores de precificação do modelo. Num segundo estágio, essas covariâncias são utilizadas como variáveis explicativas na estimação da equação de precificação. Os resultados encontrados apontam para a validação do modelo entre o período de março de 2003 e dezembro de 2011. Em particular, o coeficiente de aversão ao risco é positivo e significante, indicando que investidores só aceitam assumir maiores riscos se forem compensados com maiores retornos, mesmo num ambiente de decisão intertemporal. Além disso, ativos altamente correlacionados com os outros fatores de precificação utilizados (variação da taxa de juros e da taxa de câmbio) devem oferecer um retorno esperado maior. O estudo do período da crise de 2008 mostra que grandes eventos podem alterar as relações encontradas e que, portanto, a análise dos resultados requer cautela.

Titulo de periódico
Título de Livro
Idioma
Português
Notas
Membros da banca
Área do Conhecimento CNPQ
Citação