Empresas sociais: conceito e aplicabilidade no Brasil

Carregando...
Imagem de Miniatura
Orientador
Roque, Pamela Gabrielle Romeu Gomes
Co-orientadores
Tipo de documento
Trabalho de Conclusão de Curso
Data
2016
Título da Revista
ISSN da Revista
Título do Volume
Projetos de Pesquisa
Unidades Organizacionais
Fascículo
Resumo
O mundo vive um conflito entre a maximização dos lucros na atividade empresarial e a busca pelo desenvolvimento social, através das sociedades privadas. Este segundo objetivo tem demonstrado a existência do “setor dois e meio”, assim entendido em razão de presença de estruturas que possuem características híbridas, ora próximas do setor empresarial (segundo setor), ora próximas das organizações da sociedade civil sem fins lucrativos (terceiro setor). Este setor é denominado Empresa Social. Busca-se, assim, um avanço nas discussões em torno da institucionalização das empresas sociais como um tipo jurídico autônomo, a fim de demonstrar as vantagens e desvantagens e dar guarida à formalização destas novas empresas. Verifica-se, então, a necessidade da busca da efetividade da inter-relação, muitas vezes conflituosa, entre a falta de ordenamento legal, a realidade do mercado e a globalização das relações, tendo-se em vista o dever de obediência às normas.

Titulo de periódico
Título de Livro
Idioma
Português
Notas
Membros da banca
Roque, Pamela Gabrielle Romeu Gomes
Área do Conhecimento CNPQ
Citação