Estudo sobre o risco de crédito dos títulos de dívida corporativos brasileiros: uma comparação entre o mercado secundário e o modelo KMV–Merton

Carregando...
Imagem de Miniatura
Orientador
Sanvicente, Antonio Zoratto
Co-orientadores
Tipo de documento
Trabalho de Conclusão de Curso
Data
2013
Título da Revista
ISSN da Revista
Título do Volume
Projetos de Pesquisa
Unidades Organizacionais
Fascículo
Resumo
O objetivo desse estudo é realizar uma comparação entre o risco de crédito implícito nos títulos de dívida corporativos brasileiros e o resultado que obtemos para esse mesmo valor através da aplicação do modelo Merton’s KMV. A metodologia proposta trata o equity de uma empresa de maneira equivalente a uma opção de compra sobre os ativos dessa companhia, resultando, após certa manipulação, em spreads de crédito comparáveis aos que podem ser observados através das taxas indicativas do mercado secundário de debêntures brasileiro. Os resultados encontrados não permitem afirmar que a precificação realizada pelo mercado é correlacionada com os resultados do modelo. Além disso, de forma gráfica, é possível perceber que os ratings atribuídos pelas principais empresas especializadas não se correlacionam com os valores observados no mercado ou com aqueles obtidos através do modelo proposto.

Titulo de periódico
Título de Livro
Idioma
Português
Notas
Membros da banca
Área do Conhecimento CNPQ
Citação