Os efeitos de políticas oportunistas, durante o período de eleições municipais

Carregando...
Imagem de Miniatura
Co-orientadores
Tipo de documento
Trabalho de Conclusão de Curso
Data
2015
Título da Revista
ISSN da Revista
Título do Volume
Projetos de Pesquisa
Unidades Organizacionais
Fascículo
Resumo
Diversos escritores estudaram o “Political Business Cycle” obtendo diferentes resultados a partir de vários modelos, variáveis, níveis eleitorais (desde municípios a eleições presidenciais) e localidades. Basicamente o “Political Business Cycle” é o uso de politicas oportunistas (fiscais, monetárias e até sociais) para aumentar as chances de reeleição, principalmente diminuindo a taxa de desemprego durante o período de votação com essas politicas mais expansionistas, e, consequentemente aumentando o nível de inflação nos períodos seguintes. Este trabalho tem o objetivo de verificar em nível municipal no Brasil evidencias de ciclos politico econômicos suficientes para causar um efeito significativo no mercado de trabalho. A taxa de desemprego, ou de desocupação, é um importante fator percebido pelos eleitores, que seria um alvo pratico para almejar a reeleição. Para averiguar se ocorrem impactos significativos no mercado de trabalho, utilizaram-se os modelos de POLS, FGLS e GMM e três metodologias diferentes para confirmar mudanças na taxa de desocupação no período de 2002 a 2015, para as principais regiões metropolitanas do país, durante as eleições municipais. Juntamente com resultados obtidos em outros trabalhos com o mesmo nível eleitoral e país, encontra-se evidencias de mudanças no mercado de trabalho durante eleições municipais. Embora seja necessário dados mais específicos para melhores analises das causas, é possível afirmar a ocorrência de politicas oportunistas.

Titulo de periódico
Título de Livro
Idioma
Português
Notas
Área do Conhecimento CNPQ
Citação