Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.insper.edu.br/handle/11224/105
Type: Trabalho de Conclusão de Curso
Title: A recente condução da política monetária brasileira
Authors: Carvalho, Renan de Melo
Advisor: Perdomo, Juan Pedro Jensen
Publication Date: 2012
Original Abstract: Este trabalho analisa a condução da política monetária na última década e conclui que a partir de maio de 2010 ela passou a atuar de uma maneira diferente. Utilizou-se uma regra de Taylor que incorpora as expectativas em conjunto com uma estimação do produto potencial através de uma função de produção. Com esta metodologia foram encontradas evidências de que o banco central brasileiro vem atuando quase que exclusivamente focado no crescimento. Os coeficientes da regra de política monetária estimados revelaram que: (i) o coeficiente relacionado aos desvios do crescimento em relação ao crescimento natural são estáveis ao longo de todo o período, (ii) não foram encontradas relações significantes entre a taxa de juros e os desvios da inflação esperada em relação à meta de inflação. Tais resultados revelam uma maior tolerância em relação à inflação para se atingir determinado crescimento. Ademais, esta política mais leniente com a inflação parece decorrente de uma maior intervenção do governo nas decisões do banco central.
Keywords in original language : Política monetária
Regra de Taylor
Produto potencial
Abstract: This work analyses the conduction of the Brazilian monetary policy during the last decade and concludes that since May, 2010 it has been acting in a different way. The methodology adopted consists of a Taylor rule that include expectations and a production function to estimate the natural GDP growth. This study found evidences that the Brazilian central bank is acting almost exclusively focused on growth. The estimated coefficients in the monetary policy rule revealed that: (i) the coefficient related to GDP growth deviations from the natural GDP growth are stable during the all period studied, and (ii) there are no significant relations between the interest rate and the deviations of the expected inflation from the target inflation. These results show a greater tolerance of the monetary policy makers in regard to inflation, which means they are more willing to achieve economic growth at the expense of higher inflation. Also, this monetary policy more lenient with inflation seems caused by a greater governmental intervention in the central bank decisions.
Language: Português
Copyright: Todos os documentos desta Coleção podem ser acessados, mantendo-se os direitos dos autores pela citação da origem.
Appears in Collections:Graduação em Economia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Renan de Melo Carvalho_trabalho.pdfTexto Completo1.89 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open
Renan de Melo Carvalho_aluno.pdfIndisponível - Autorização Aluno57.12 kBAdobe PDFView/Open

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.