Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.insper.edu.br/handle/11224/1144
Type: Dissertação
Title: Modelando a demanda brasileira privada por empréstimos por meio da relação de Longo prazo entre empréstimos, PIB e Taxas de Juros
Authors: Guido, Luís Fernando Coelho
Examination board: Brito, Ricardo Dias De Oliveira
Oliveira, Fernando Nascimento De
Advisor: Araujo Junior, Eurilton Alves
Publication Date: 2009
Original Abstract: Este trabalho procurou estudar as variáveis determinantes para a demanda de empréstimos locais pelo setor privado brasileiro. Utilizando a metodologia de Johansen, o estudo identifica a relação entre empréstimos locais, PIB e taxas de juros de curto e longo prazos. O período analisado foi de janeiro de 1995 a março de 2006. Os resultados apontam que as taxas de juros têm um papel relevante na evolução dos empréstimos, ou seja, funcionam como os preços dos empréstimos. Verifica-se, também, que a taxa de juros de longo prazo apresenta um papel mais importante que a taxa de juros de curto prazo na determinação dos empréstimos para o período analisado. Quanto ao produto percebe-se que este não desempenha um papel de destaque na determinação dos empréstimos, dependendo do modelo, encontram-se também resultados que podem levar a duas conclusões dispares: na primeira, conclui-se uma relação positiva entre produto e empréstimos, ou seja, uma economia em expansão demanda um volume maior de empréstimo; na segunda, conclui-se que, em uma economia em crescimento demandaria menos empréstimo, provavelmente por se financiar com os recursos próprios e não de terceiros.
Keywords in original language : Demanda por empréstimos
Johansen
Transmissão política monetária
PIB
Loan demand
Monetary policy transmission
GDP
Abstract: This paper studies the key variables for local loan demand from the Brazilian private sector. Based on the Johansen methodology, this paper identifies the relationship among local loans, GDP, short-term and long-term interest rates. This research spans the period between January 1995 and March 2006. Its results highlight the relevant role played by interest rates in determining loan balance, sustaining that interest rates are a proxy for loan pricing. This study also concludes that long-term interest rates outweigh short-term interest rates in determining loans in the period analyzed. It also claims that GDP lacks relevance in determining loans. This study defends that the relationship between GDP and loans depends on the analytical model adopted. In the first model GDP and loans correlate positively, suggesting that a growing economy demands higher loan volume; in the second model, this relationship is negative, which means that an expanding economy could demand less financing most likely because of its capacity to fund itself out of its own resources.
Language: Português
Appears in Collections:Mestrado Profissional em Economia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Luis Fernanado Coelho Guido_Trabalho.pdfTEXTO COMPLETO185.92 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.