Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.insper.edu.br/handle/11224/2605
Type: Dissertação
Title: Análise de portfólios anti-frágeis e redução dos custos de carregamento
Authors: Costa, Alisson Arrais
Examination board: Athayde, Gustavo
Porsani, Rafael
Advisor: Soares, Gustavo Barbosa
Publication Date: 2019
Original Abstract: Em um mundo cada vez mais globalizado, a necessidade de ativos diversificadores diferentes dos usuais torna-se cada vez mais presente. As taxas de câmbio são uma classe de ativos que possui uma grande diversidade de constituintes e correlações com outras classes de ativos. Ainda mais, devido ao seu amplo espectro geográfico e econômico, é possível obter uma gama de portfólios com os mais diversos objetivos, seja para aumentar ou diminuir o risco de uma carteira de investimentos. Nesse estudo empírico, embora não haja o intuito de escolher o timing, é mostrado um método de seleção de carteiras com fins de seguro (hedge), ou Carteiras Anti-Frágeis, em relação a Carteiras de Risco baseadas em ações. Além disso, como era de se esperar, tais carteiras de hedge possuem um acentuado custo devido ao diferencial de juros entre os países considerados. Portanto, também é mostrado duas formas de escolher carteiras, que deem algum retorno e que possuam baixo nível de perdas durante os drawdowns das Carteiras de Risco selecionadas, como forma de ajudar a pagar o custo de carregamento das Carteiras Anti-Frágeis. São feitos testes das Carteiras de Carregamento contra alguns índices para procurar se há alguma explicação para o resultado observado vindo de alguns índices. Encontro que embora haja correlação com a carteira baseado em ações globais, o retorno da Carteira de Carregamento não é explicado por tais índices. E por fim é feita análise da performance conjunta das duas carteiras durante os drawdowns das Carteiras de Risco selecionadas e é mostrado que a metodologia funciona bem e que o timing em si, não é um problema.
Keywords in original language : Anti-frágil; taxa real efetiva de câmbio; PPP; carry trade; curvy trade; hedges
Abstract: In a world that grows each day more globalized, the need for diversifying assets grows larger. The Exchange rates can incorporate an enormous array of characteristics, as geographical and macro-economic, for example. Within these diverse set of characteristics, it is possible to construct different portfolios to increase or even decrease risk. In this empirical study, although isn’t the objective to set the timing, a method is devised to select hedging portfolios using FX to hedge a selected number of risk-on portfolios based on equities. As expected, these hedging portfolios has a large cost given the difference of yield between countries, or a high cost of carry. Therefore, we devise two methods to select portfolios that generates returns and that has a low drawdown during risk aversion moments of the risk-on portfolios, as a form to help reducing the cost of carry from the anti-fragile portfolio. Moreover, I test the Carry Portfolios against usual indexes trying to identify the source of returns and I find that although the Carry Portfolio has some correlation to the global equity index, it doesn’t fully explain the Carry Portfolio return. And, at last, we analyze both Carry and Anti-Fragile portfolios together during the main events of risk aversion from the selected risk-on portfolios and is showed how well the method works, even with some timing error being allowed.
Language: Português
Appears in Collections:Mestrado Profissional em Economia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Alisson Arrais.pdf1.36 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.