Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.insper.edu.br/handle/11224/2862
Type: Dissertação
Title: Gestão pública ou privada na distribuição de energia elétrica: uma análise do desempenho técnico e financeiro
Authors: Col, Thiago Da
Advisor: Não Informado
Publication Date: 2021
Original Abstract: Este trabalho tem como objetivo analisar o desempenho relativo de empresas públicas e privadas no setor de distribuição de energia elétrica. A análise utiliza indicadores de eficiência técnica e de eficiência econômica, contextualizando-os com o processo de reestruturação, ainda em curso, da indústria de energia elétrica brasileira. A partir de uma análise comparativa entre distribuidoras de energia elétrica gerenciadas pelo poder público e concessões gerenciadas pela iniciativa privada no período de 2015 a 2019, é possível avaliar se a delegação de atividades a atores privados contribuiu para a melhoria do desempenho em qualidade e eficiência financeira. Segundo a literatura dominante, se não houver mecanismos de mercado ou regulatório que assegurem a qualidade dos serviços, a gestão privada pode resultar em menores custos, porém às custas da deterioração da qualidade, no que se convencionou denominar por trade-off custo-qualidade (Hart et al., 1997). Contrariando essa previsão, os resultados obtidos neste estudo apontam que o nível de qualidade não é diferencial em ambos os modelos de gestão, sendo que, no entanto, empresas com gestão privada demonstraram média superior de eficiência financeira.
Keywords in original language : energia elétrica; estatais, privatização; desempenho técnicofinanceiro
public agents in the electric energy sector; private agents in the electric energy sector; technical-financial performance
Abstract: This work aims to analyze the relative performance of public and private companies in the electricity distribution sector. The analysis uses indicators of technical efficiency and economic efficiency, contextualizing it with the ongoing restructuring process of the Brazilian electricity industry. From a comparative analysis between electricity distributors managed by the government and concessions managed by the private sector in the period from 2015 to 2019, it is possible to assess whether the delegation of activities to private actors contributed to improving performance in quality and financial efficiency. According to the dominant literature, if there are no market or regulatory mechanisms that ensure the quality of services, private management can result in lower costs, but at the expense of deteriorating quality, in what has been called the cost-quality trade-off (Hart et al., 1997). Contrary to this prediction, the results obtained in this study indicate that the level of quality is not different in both management models, however companies with private management showed a higher average of financial efficiency.
Language: Português
Appears in Collections:Mestrado Profissional em Economia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Thiago da Col.pdf563.04 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.