Aspectos microeconômicos e aplicação de modelo logit aninhado na estimação de audiência de televisão

Carregando...
Imagem de Miniatura
Orientador
Co-orientadores
Tipo de documento
Dissertação
Data
2018
Título da Revista
ISSN da Revista
Título do Volume
Projetos de Pesquisa
Unidades Organizacionais
Fascículo
Resumo
Globalmente a publicidade em televisão movimenta quase 200 bilhões de dólares por ano. No Brasil, onde o meio captura sozinho mais de 61% dos investimentos em pu-blicidade, o papel da televisão na economia e sociedade é ainda mais relevante. Neste trabalho previmos a audiência de televisão em São Paulo no horário nobre utilizando um modelo inspirado no logit aninhado. Com essa abordagem, dividimos o processo de escolha dos indivíduos em duas fases e determinamos os impulsionadores das decisões de ligar a televisão e, em um segundo estágio, qual o canal assistir. Concluímos pela existência de um efeito sazonal na audiência como um todo, mas não encontramos evidências de que, uma vez que o indivíduo decide assistir televisão, que a escolha de algum dos quatro canais utilizados no estudo, esteja sujeita a essas sazonalidades. Além disso, a análise não nos permitiu identificar alterações significativas na audiên-cia total nos feriados e emendas, mas foi possível identificar um aumento do interesse do telespectador pelo canal de variedades em tais datas. Segundo o modelo, os Jogos Olímpicos de 2016 provocaram uma sutil redução na audiência total, mas os canais abertos, que fizeram a cobertura dos jogos obtiveram significativos ganhos de partici-pação no período. Não observamos o mesmo comportamento em relação aos Jogos Paraolímpicos.

Titulo de periódico
Título de Livro
Idioma
Português
Notas
Membros da banca
Barroso, Lucia Pereira
Moita, Rodrigo Menon Simões
Área do Conhecimento CNPQ
Citação