Turnover de CEOs e crescimento econômico em um painel de países

Carregando...
Imagem de Miniatura
Co-orientadores
Tipo de documento
Trabalho de Conclusão de Curso
Data
2020
Título da Revista
ISSN da Revista
Título do Volume
Projetos de Pesquisa
Unidades Organizacionais
Fascículo
Resumo
Baseando-se no modelo de crescimento econômico de Acemoglu, Aghion e Zilibotti (2006), este estudo apresenta uma abordagem empírica sobre como a seletividade das empresas, medido com base no “turnover” de CEOs, pode impactar a economia de um determinado país de maneira positiva ou negativa, a depender do seu grau de distanciamento da fronteira tecnológica mundial. A metodologia empregada neste estudo é a de um “Painel com efeitos fixos” de países, estudando a relação do crescimento da PTF com o “turnover” de CEOs médio dos países, ponderado pelo tamanho e importância econômica das empresas. Ainda, um filtro sobre a construção deste “turnover” também foi aplicado por meio do método de “dicionário”, de forma a capturar apenas as demissões forçadas. Os resultados obtidos fornecem indícios parciais de que de fato há uma relação entre estas duas variáveis, no sentido em que uma estratégia de baixa seletividade pode vir a ser benéfica para o crescimento de países consideravelmente distantes a fronteira. No entanto, conforme tal distanciamento é reduzido, a manutenção deste sistema pode causar uma estagnação, impedindo a continuidade de convergência.

Titulo de periódico
Título de Livro
Idioma
Português
Notas
Área do Conhecimento CNPQ
Ciências Sociais Aplicadas
Citação