Efeito das taxas de câmbio e de juros, produção industrial e financiamentos na venda de bens industriais intermediários no mercado brasileiro

Carregando...
Imagem de Miniatura
Co-orientadores
Tipo de documento
Dissertação
Data
2017
Título da Revista
ISSN da Revista
Título do Volume
Projetos de Pesquisa
Unidades Organizacionais
Fascículo
Resumo
O principal desafio da indústria brasileira de transformação metalomecânica está na alocação dos recursos escassos uma vez que a taxa de cambio traz muita volatilidade de preços de matéria prima e custos de fabricação e como consequência os volumes de produção são deslocados para países com menor custo industrial. A indústria também é afetada pelas condições econômicas gerais onde a taxa de juros ao consumidor impacta os mercados de uso final, incluindo indústrias de automóvel, eletrodomésticos, construção e energia. À medida que estas indústrias experimentam uma recessão, a indústria de bens de consumo geralmente segue sua tendência. O objetivo deste trabalho é entender o impacto das variáveis macroeconômicas e da Pesquisa Industrial Mensal de Produção Física - PIM-PF no volume de vendas de bens industriais intermediários no mercado industrial brasileiro. Para o estudo utilizam-se dados do mercado brasileiro de bens industriais intermediários do setor de transformação metalomecânico, com 84 observações mensais do período de janeiro de 2010 a dezembro de 2016. Para desenvolvimento dos modelos, foi utilizado o modelo de regressão com dados de séries temporais. O entendimento do impacto das variáveis macroeconômicas sobre o volume de vendas de bens intermediários industriais auxilia o tomador de decisão na alocação dos recursos disponíveis para obtenção de um resultado superior em relação aos demais concorrentes.

Titulo de periódico
Título de Livro
Idioma
Português
Notas
Membros da banca
Bortoluzzo, Maurício Mesquita
Área do Conhecimento CNPQ
Citação