Investimento estrangeiro direto e sua relação com o crescimento econômico brasileiro: uma análise para o período real

Carregando...
Imagem de Miniatura
Co-orientadores
Tipo de documento
Trabalho de Conclusão de Curso
Data
2016
Título da Revista
ISSN da Revista
Título do Volume
Projetos de Pesquisa
Unidades Organizacionais
Fascículo
Resumo
Durante a segunda metade dos anos 90 e começo dos anos 2000, o país passou por um desafio de estabilização e consolidação de reformas econômicas, como a implementação do Plano Real e a adoção de um novo arcabouço de políticas econômicas. Essas reformas foram substancialmente importantes para criar um ambiente propício para que o ingresso de investimento estrangeiro ganhasse volume. O presente trabalho busca estudar os fatores internos determinantes para o influxo do investimento estrangeiro direto no Brasil, além de analisar sua relação com Produto Interno Bruto nacional para o período desde a implantação do Plano Real até o primeiro trimestre de 2016. Além disso, foi feito em separado um estudo para o período em que o Partido dos Trabalhadores assumiu o comando do governo federal para averiguar se as relações se alteram. Para isso foi usada uma abordagem baseada em um modelo Auto Regressivo Vetorial com uma função Impulso Resposta e Decomposição da Variância. Os resultados obtidos indicam que, para o período entre o terceiro trimestre de 1994 e o terceiro trimestre de 2016, o câmbio e o nível de infraestrutura assumem papeis importantes como determinantes do influxo de investimento estrangeiro direto, assim como o investimento estrangeiro direto causa um impacto positivo no PIB. Já para o período entre o primeiro trimestre de 2003 e o primeiro trimestre de 2016, obteve-se que nenhuma das variáveis causam impacto significante sobre o investimento estrangeiro direto, assim como o investimento estrangeiro direto não impacta o PIB.

Titulo de periódico
Título de Livro
Idioma
Português
Notas
Membros da banca
Casaca, Paulo Roberto Santos
Área do Conhecimento CNPQ
Citação