Diferenças entre gêneros em crenças relevantes para a inserção no mercado de trabalho

Carregando...
Imagem de Miniatura
Orientador
Madalozzo, Regina Carla
Co-orientadores
Tipo de documento
Trabalho de Conclusão de Curso
Data
2019
Título da Revista
ISSN da Revista
Título do Volume
Projetos de Pesquisa
Unidades Organizacionais
Fascículo
Resumo
Neste trabalho, desenvolvemos modelos econométricos, usando dados do World Values Survey, para investigar hiatos de gênero em crenças que poderiam ser relevantes para a participação feminina na economia e sociedade. Encontramos que, em comparação aos homens, as mulheres atribuem uma maior importância à sorte relativamente ao esforço como determinante do seu sucesso profissional, tendem a considerar em maior proporção que competição é danosa, conferem uma maior responsabilidade ao estado no cuidado das pessoas e têm uma maior rejeição à desigualdade de renda. Nossos modelos incluem controles individuais e nacionais. Finalmente, verificaremos se houve mudanças dos padrões de crenças em relação a trabalhos anteriores (por exemplo, Fisman e O’Neill, 2009).

Titulo de periódico
Título de Livro
Idioma
Português
Notas
Área do Conhecimento CNPQ
Ciências Sociais Aplicadas
Citação