Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.insper.edu.br/handle/11224/2215
Type: Dissertação
Title: Confiança, colaboração e geração de valor na cadeia de suprimentos
Authors: Nadruz, Raphael
Examination board: Duarte, André Luis de Castro Moura
Biazzin, Cristiane
Advisor: Martins, Guilherme Silveira
Publication Date: 2018
Original Abstract: Cadeia de suprimentos colaborativa é um recurso estratégico que vêm sendo amplamente adotado por empresas que buscam criar valor e consequentemente obter vantagem competitiva. Relações colaborativas utilizam mecanismos de governanças híbridos, nos quais há uma maior ênfase em mecanismos relacionais, que complementam situações não previstas em contratos, reduzindo os custos de transação. Um dos principais recursos dos mecanismos relacionais é a confiança, que neste trabalho será considerada como variável antecedente e abordada de forma bi-dimensional: Por benevolência (goodwill) e por competência. O principal objetivo deste estudo foi de analisar, através da visão do comprador, da díade comprador-fornecedor, como cada uma das dimensões da confiança impactam nas relações colaborativas e se a colaboração tem impacto positivo para geração de valor na cadeia de suprimentos. Verificou-se que a confiança impacta positivamente na geração de atividades colaborativas, assim como cada dimensão da confiança atua de forma diferenciada na geração destas atividades. Foi também possível verificar que a colaboração tem um efeito positivo na geração de valor da relação, porém nem todas atividades colaborativas contribuíram de forma significativa para geração de valor. Os dados desta pesquisa foram levantados por meio de questionário e os métodos estatísticos utilizados foram os de análise fatorial confirmatória, modelagem de equação estrutural e regressão linear.
Keywords in original language : relacionamentos colaborativos; atividades colaborativas; confiança; criação de valor
Abstract: Supply chain collaboration is a strategic resource that has been widely adopted by companies seeking to create value and consequently gain competitive advantage. Collaborative relationships use mechanisms of hybrid governance, in which there is a greater emphasis on relational mechanisms, which complement situations not foreseen in contracts, reducing transaction costs. One of the main resources of relational mechanisms is trust, which in this work will be considered as an antecedent variable and approached in a two-dimensional way: by goodwill and competence. The main objective of this study was to verify, through the buyer's view, of the buyer-supplier dyad, how each dimension of trust impacts on collaborative relationships and whether collaboration has a positive impact on value generation in the supply chain. It was verified that trust positively influences the generation of collaborative activities, just as each dimension of trust acts differently in the generation of these activities. It was also possible to verify that the collaboration has a positive effect on the creation of relationship value, but not all collaborative activities contributed significantly to the generation of value. The data of this research were collected through a questionnaire and the statistical methods used were confirmatory factor analysis, structural equation modeling and linear regression.
Language: Português
Appears in Collections:Mestrado Profissional em Administração

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Raphael Nadruz.pdf1.68 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.