Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.insper.edu.br/handle/11224/478
Type: Trabalho de Conclusão de Curso
Title: Análise da desigualdade de renda e de despesa no Brasil
Authors: Martins, Amanda Soldani Regulski
Advisor: Menezes Filho, Naercio Aquino
Publication Date: 2011
Original Abstract: É possível medir a desigualdade em uma sociedade de duas formas: desigualdade de renda e de consumo. A desigualdade de renda tem declinado no Brasil desde 2001, mas poucos estudos investigaram o comportamento da desigualdade de consumo neste período. Este trabalho compara os dois indicadores através do índice de Gini, utilizando dados da Pesquisa Orçamentária Familiar (POF) nos anos de 2002/2003 e 2008/2009. Simultaneamente, compara as áreas rurais e urbanas, uma vez que a as áreas rurais normalmente tem maior número de famílias beneficiadas pelo Bolsa Família e outros programas de transferências na área rural. São investigadas também o comportamento da desigualdade para grupos demográficos específicos, segundo os anos de estudo, idade e região. Percebe-se que, em geral, houve uma queda tanto da desigualdade de renda quanto consumo, mas a desigualdade de consumo declinou bem menor. Além disto, na área rural houve um aumento na desigualdade de consumo. Uma possível explicação é que as famílias não tratam a renda do Bolsa Família como permanente.
Keywords in original language : Desigualdade
Gini
Brasil
Abstract: It’s possible to measure inequality in a society in two ways: income inequality and consumption. Income inequality has declined in Brazil since 2001, but few studies have investigated the behavior of consumption inequality in this period. This paper work compares the two indicators by Gini index, using data from the Household Budget Survey (POF) in the years 2002/2003 and 2008/2009. Simultaneously, compares rural and urban areas, since rural areas typically have greater number of families benefiting from the family allowance and other transfer programs in rural areas. This paper also investigated the behavior of inequality for specific demographic groups, according to the years of schooling, age and region. It is noticed that, in general, there was a fall in both income inequality and consumption, but it is remarkable that in rural area there was an increase in consumption inequality. One possible explanation is that families do no treat the income of “Bolsa Família” as permanent.
Language: Português
Copyright: Todos os documentos desta Coleção podem ser acessados, mantendo-se os direitos dos autores pela citação da origem.
Appears in Collections:Graduação em Economia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Amanda Soldani Regulski Martins_trabalho.pdfTexto Completo492.08 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open
Amanda Soldani Regulski Martins_aluno.pdfIndisponível - Autorização Aluno463.06 kBAdobe PDFView/Open

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.