Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.insper.edu.br/handle/11224/976
Type: Trabalho de Conclusão de Curso
Title: Um estudo sobre o múltiplo preço/lucro e os seus fundamentos
Authors: Levin, Arieh
Examination board: Bortoluzzo, Adriana Bruscato
Araujo, Michael Viriato
Advisor: Pagano, Leonardo
Publication Date: 2014
Original Abstract: O objetivo desta monografia é analisar o método de avaliação de empresas feito por meio do múltiplo preço/lucro, estabelecendo um paralelo com a avaliação por meio dos fluxos de caixa descontados. Para tanto, foram estudados os fundamentos deste múltiplo e as variáveis que o impactam, sendo esses o risco, a expectativa de crescimento, e a capacidade de geração de fluxos de caixa de uma empresa. Com o intuito de testar se tais determinantes são capazes de explicar as diferenças existentes nos múltiplos das empresas brasileiras, regrediu-se um modelo econometrico, utilizando dados em painéis das empresas listadas na Bovespa e estabelecendo uma distinção setorial. O período adotado no estudo recobre o inicio de 2008 até o terceiro trimestre de 2013 e contemplou um universo total de 66 empresas. O payout foi a única variável que se mostrou significante em todas as regressões, independente do setor, assumindo um valor positivo. O beta, proxy para a variável de risco das empresas, também apresentou significância em algumas regressões, assumindo, na maioria dos casos, um valor negativo que está de acordo com a teoria. Por outro lado, a variável que representa a expectativa de crescimento das empresas não se mostrou significativa em nenhuma das regressões realizadas neste estudo. A principal conclusão do estudo é que os múltiplos das empresas reagem aos seus fundamentos (Payout, Risco, Expectativa de crescimento) de diferentes formas e intensidades, dependendo do setor de atuação, do \ estágio de maturação e de outros fatores específicos de cada empresa.
Keywords in original language : Investimento
Múltiplos
Avaliação de empresas
Abstract: The purpose of this paper is to analyze the price to earnings multiple valuation method, comparing it with the discounted cash flows method. To do so, the fundamentals of this multiple and the variables that impact it were studied: the risk, the expectation of growth, and the ability of an enterprise to generate cash flows. In order to test whether these determinants are able to explaining the present differences in the Brazilian companies multiples, a econometric model was regressed, using panel data of Bovespa listed companies and establishing a sector distinction. The period adopted in the study was from the beginning of 2008 until the third quarter of 2013 and contemplated a total universe of 66 companies. The payout was the only variable that proved to be significant in all the regressions, regardless of the sector, assuming a positive value. The beta, proxy for the corporate risk, also proved to be significant in some regressions, assuming, in most cases, a negative value that is in line with the theory. On the other hand, the variable that represents the expectation of business growth was not significant in any of the regressions carried out in this study. The main conclusion of the study is that the companies multiples reacts to it fundamentals (Payout, Risk, Expectation of growth) in different forms and intensities, depending on the sector of activity, on the company state of maturity and on others specific characteristics of the enterprise.
Language: Português
Copyright: Todos os documentos desta Coleção podem ser acessados, mantendo-se os direitos dos autores pela citação da origem.
Appears in Collections:Graduação em Economia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Arieh Levin_Trabalho.pdfTEXTO COMPLETO617.29 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open
Arieh Levin_Autorizacaoaluno.pdfINDISPONÍVEL - AUTORIZAÇÃO ALUNO429.11 kBAdobe PDFView/Open

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.