A influência de vieses cognitivos para justificar mau comportamento no trânsito.

Carregando...
Imagem de Miniatura
Co-orientadores
Tipo de documento
Dissertação
Data
2021
Título da Revista
ISSN da Revista
Título do Volume
Projetos de Pesquisa
Unidades Organizacionais
Fascículo
Resumo
Este trabalho busca demonstrar que a Economia Comportamental pode explicar decisões consideradas “irracionais” pela Teoria Econômica Clássica. O campo de estudo aqui foca nas decisões que motoristas tomam quando conduzem seus veículos. Custos de tomadas de decisão nos forçam a utilizar heurísticas para decisões rápidas que são constantemente necessárias quando dirigimos. Quando as heurísticas falham ou estamos sujeitos a vieses comportamentais, apresentamos desvios de engajamento moral que por sua vez pioram ainda mais o comportamento de direção do motorista. Buscamos então montar um modelo econométrico que explicasse a relação entre fatores demográficos e o instrumento de desengajamento moral (EJM) para explicar o comportamento através do instrumento Driver Behavior Questionnaire (DBQ). Nossos resultados mostram significância estatística na influência de jovens e homens nas justificativas de transgressões de trânsito e como essas transgressões explicam mau comportamento ao dirigir.

Titulo de periódico
Título de Livro
Idioma
Português
Notas
Membros da banca
Mittlaender, Sergio
Área do Conhecimento CNPQ
Multidisciplinar
Citação