Análise de relações de causalidade entre variáveis macroeconômicas e o IBovespa

Carregando...
Imagem de Miniatura
Co-orientadores
Tipo de documento
Trabalho de Conclusão de Curso
Data
2019
Título da Revista
ISSN da Revista
Título do Volume
Projetos de Pesquisa
Unidades Organizacionais
Fascículo
Resumo
O intuito desse estudo é investigar a dinâmica entre os resultados da bolsa de valores brasileira, quantificados pelo IBovespa, e uma gama de choques de variáveis macroeconômicas, após o ajuste inflacionário de Plano Real. Para isso, serão feitos testes para investigar a existência de relações de causalidade, utilizado um modelo multivariado de vetores autorregressivos (VAR) e a função de resposta ao impulso com as seguintes variáveis: o IPCA (Índice de Preços ao Consumidor Ampliado) como proxy para nível de inflação, já que, processos inflacionários descontrolados são características de períodos de recessão econômica, como os passados pelo Brasil no passado recente e que, também são acompanhados por baixas nas bolsas de valores, além de apresentarem desvalorizações contínuas na moeda doméstica, assim utilizaremos também a taxa de câmbio (R$/US$); a taxa básica de juros brasileira (meta SELIC) por ser o instrumento de política monetária, e por fim, e por fim, o risco país (EMBI), já que, segundo a teoria do Modelo de Dividendos Descontados, o prêmio de risco exerce efeito direto nas cotações do mercado acionário. O intervalo de tempo a ser estudado é de julho de 1996 a dezembro de 2018 (série mensal)

Titulo de periódico
Título de Livro
Idioma
Português
Notas
Área do Conhecimento CNPQ
Ciências Sociais Aplicadas
Citação